Você está aqui

Também na Radioagência Nacional

Subscrever feed Também na Radioagência Nacional
Atualizado: 6 minutos 50 segundos atrás

Identificados corpos de agentes ambientais no acidente aéreo em Roraima

qua, 05/07/2017 - 10:16

O Instituto Médico Legal (IML) identificou os corpos das quatro vítimas fatais da queda de um avião fretado pelo Exército, em Roraima.

O acidente aconteceu na manhã dessa segunda-feira (3), no município de Cantá.

Os corpos são do piloto Marcos Costa Jardim e dos agentes ambientais do Ibama, Olavo Perim Galvão, Alexandre Rochinski e Sebastião Lima Ferreira Júnior.  

O único sobrevivente é o também servidor do Ibama Lazlo Macedo de Carvalho, que foi socorrido em estado grave e está em coma induzido.

Com 54% do corpo queimado, ele está sendo transferido do Hospital Geral de Roraima para o Centro de Tratamento de Queimados do Hospital de Força Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro.

Os servidores do Ibama partiram de Boa Vista, capital de Roraima, e seguiriam para a Terra Indígena Yanomami, na região da fronteira com a Venezuela. O Ibama e o Exército realizam, na região, a Operação Curare 8, de combate a garimpos ilegais, desmatamento e outros ilícitos.  

De acordo com o Corpo de Bombeiros, informações indicaram que a aeronave após decolar não conseguiu atingir a altura necessária, caindo em uma fazenda vizinha, no município de Cantá, a aproximadamente 30 quilômetros da capital, Boa Vista.

As investigações sobre a causa do acidente são conduzidas pela Aeronáutica.

Trinta Ticunas se suicidaram em 2016 influenciados por álcool e drogas

qua, 05/07/2017 - 09:59

O Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), no Alto Solimões (AM), registrou 30 mortes por suicídio no ano de 2016. A informação é do coordenador da instituição Weydson Gossel Pereira, durante entrevista à Rádio Nacional do Alto Solimões.

Weydson explicou que as mortes por suicídio estão relacionadas ao consumo de álcool e drogas, dentro das comunidades indígenas.

“Pela vigilância do óbito todos os casos de suicídio tem, também, histórico de álcool e drogas. Por exemplo: das 32 tentativas de suicídio, em 2016, 22 delas tiveram envolvimento com álcool e essas 22 repetiram, depois, a tentativa. Chegamos em 30 suicídios, no ano passado, no Alto Solimões, que é a nossa maior causa sempre. [Entre] os indígenas não é cultura se matar. O álcool, hoje, está presente e tem sido de grande [influência] para esse prejuízo enorme de vida se perdendo.”

Para amenizar o problema, principalmente entre os jovens, Weydson disse que existe um projeto para levar programas sociais às comunidades.

“A gente está tentando mobilizar toda a sociedade, agora a nossa próxima etapa do Proerd, eu não sou dono do Proerd, sou um parceiro, mas o major [do Exército] Herlon, falo por ele, porque já ouvi da boca dele, a gente está tentando trazer [o Proerd] para Belém do Solimões e também outras comunidades do Alto Solimões. o que nós queremos agora é facilitar [a vida] para o indígena. Lá, eles usaram a apostila própria do Proerd, que é em português. O que vamos fazer, com parceria com a OGPTB (Organização Geral dos Professores Ticunas Bilíngües), vai ser lançado a proposta para gente produzir a apostila do Proerd na língua Ticuna”, afirmou o indígena.

O Proerd, que o coordenador fala, é Programa Educacional de Resistência às Drogas, que tem por objetivo conscientizar os jovens sobre os perigos das drogas e ajudá-los a fazer escolhas responsáveis. A ideia é levar essa cartilha às comunidades indígenas ainda neste ano.

Viva Maria: Mulheres se mobilizam contra PL que quer mostrar imagens de fetos a vítimas de estupro

qua, 05/07/2017 - 09:49

Hashtag #MePoupedoPL1465/2013! Esse foi o mote da campanha de mobilização que os grupos Curumim, Fórum de Mulheres do Distrito Federal e Centro Feminista de Estudos e Assessoria (Cfemea) deflagraram, há poucos dias, para sensibilizar o governador Rodrigo Rollemberg, do Distrito Federal, a vetar o projeto de lei aprovado no último dia 26 de junho, pela Câmara Legislativa, que propõe a exposição de imagens de fetos a vítimas de estupro que desejem abortar.

 

Na prática, como explica a socióloga Jolúzia Batista, assessora técnica do Cfemea, o projeto previa que as unidades de saúde pública e privada teriam que promover palestras sobre o desenvolvimento de fetos durante a gestação, desde o primeiro mês! Diante de tamanha barbárie, a reação não poderia ser outra: em poucas horas, mais de 6 mil e-mails de adesão à campanha tomaram conta da internet.

 

Tamanha pressão fez com que a autora do projeto, a deputada distrital Celina Leão (PPS), encaminhasse um ofício a Rolemberg pedindo veto total à matéria aprovada. O governador informou ontem (4) que vai vetar o projeto e disse considerar a proposta algo “macabro”. Rollemberg tem até o dia 17 de julho para publicar o veto.

 

Para a socióloga Jaqueline Pitanguy, fundadora e coordenadora da organização não governamental Cepia - Cidadania e Ação, que há anos se ocupa dos direitos reprodutivos das mulheres, a aprovação da proposta em si, pela Câmara Legislativa, é tão estarrecedora que não dá nem para comemorar a decisão do governador. Pois, para ela, a posição assumida pelo legislativo local foi ficar favorável a um projeto que, em sua opinião, na prática, institui a tortura.

 

 

 

 

Viva Maria: Programete que aborda assuntos ligados aos direitos das mulheres e outros aspectos da questão de gênero. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.

Nacional Informa: EUA e Coreia do Sul disparam mísseis em resposta a testes da Coreia do Norte

qua, 05/07/2017 - 09:24

Nacional Informa: Boletim de notícias veiculado de hora em hora, com duração média de até quatro minutos. É publicado na Radioagência Nacional de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h (não há edições às 12h e às 13h). Horários e duração diferenciados em coberturas especiais. Produção do Radiojornalismo da EBC. Acesse aqui as edições anteriores.

 

* Este programete foi veiculado às 9h, ao vivo, nas rádios EBC.

 

Edição: Paula de Castro Trabalhos Técnicos:  Rafael Thomaz

Menina de 11 anos morre no Rio em tiroteio entre PM e traficantes

qua, 05/07/2017 - 09:07

Uma menina de 11 anos morreu e o subcomandante da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Camarista Méier ficou ferido em um tiroteio na localidade conhecida como Boca do Mato, no Complexo do Lins, na zona norte do Rio de Janeiro, nessa terça-feira (4).

Confira os detalhes na matéria de Fabiana Sampaio.

Governo brasileiro adota medidas de exportação de carne aos EUA

qua, 05/07/2017 - 08:53

As carnes 'in natura' de cortes dianteiros a serem exportadas aos Estados Unidos devem seguir na forma de recortes, cubos, iscas ou tiras. A determinação é do Ministério da Agricultura e Pecuária.

A medida visa facilitar as negociações para a retomada de venda ao mercado norte-americano. No mês passado, os Estados Unidos suspenderam a importação de carne fresca do Brasil.

O ministério acredita que os problemas comunicados pelo governo norte-americano são decorrentes da vacinação contra a febre aftosa, que poderia causar inflamações.

O secretário-executivo da pasta, Eumar Novacki, garantiu que apenas a aparência fica comprometida e que o produto não oferece nenhum risco à saúde.

O Brasil exporta para os Estados Unidos a parte dianteira do boi inteira, local onde o gado recebe a vacina contra a febre aftosa. Mesmo que não esteja aparente, alguma inflamação pode ser detectada quando a peça é cortada.

Após a Operação Carne Fraca, mercados como os dos Estados Unidos e da Comunidade Europeia determinaram a fiscalização de 100% da carne brasileira.

Ainda neste mês, representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento vão se reunir com autoridades sanitárias dos Estados Unidos, em Washington. O intuito é debater medidas de controle adotadas depois que foram encontrados abscessos na carne bovina 'in natura' exportada ao mercado norte-americano.

Advogados da célula jurídica do PCC são condenados pela Justiça paulista

qua, 05/07/2017 - 08:21

Cinco pessoas foram condenadas, em São Paulo, por envolvimento com o Primeiro Comando da Capital (PCC), principal facção criminosa do estado.

Todos são advogados e integravam a chamada célula jurídica da facção. De acordo com o Ministério Público de São Paulo, quatro foram condenados a 8 anos e 9 meses de prisão, por integrarem organização criminosa.

Outro advogado foi condenado a 15 anos e 5 meses de reclusão, também por corrupção ativa.

Confira os detalhes na matéria de Nelson Lin.

*A participação do repórter foi ao vivo.

Indicação de Raquel Dodge para PGR deve ser lida hoje em comissão do Senado

qua, 05/07/2017 - 08:02

A indicação de Raquel Dodge para assumir o cargo de procuradora-geral da República deve ser lida nesta quarta-feira (5), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado. Também hoje será lido, na CCJ, o parecer do relator Roberto Rocha (PSB-MA).

O relatório foi protocolado nessa terça-feira (4) e considera Raquel Dodge apta para assumir o cargo.

Confira os detalhes na matéria de Katiana Rabêlo.

* A participação da repórter foi ao vivo.

Raimundo Lira assume liderança do PMDB no Senado

qua, 05/07/2017 - 07:33

Raimundo Lira (PB) é o novo líder do PMDB no Senado. A bancada escolheu o senador paraibano por aclamação durante reunião na noite dessa terça-feira (4).

O parlamentar substitui Renan Calheiros (PMDB-AL), que deixou a liderança do partido na semana passada. Calheiros é uma das principais vozes, no PMDB, contrárias as reformas trabalhista e da Previdência.

Confira os detalhes na matéria de Victor Ribeiro.

A participação do repórter foi ao vivo.

Grêmio vence na Argentina e joga pelo empate na Libertadores

qua, 05/07/2017 - 07:06

O Grêmio estreou com vitória nas oitavas de final da Copa Libertadores da América ao derrotar o Godoy Cruz, em Mendoza, na Argentina.

Com o resultado, o Grêmio joga pelo empate na segunda partida, em 9 de agosto, em Porto Alegre.

Confira os destaques das rodadas dessa terça-feira (4) na matéria de Jorge Wamburg.

Senadores discutem hoje a reforma trabalhista; votação foi adiada para a próxima terça

ter, 04/07/2017 - 23:55

A sessão do plenário do Senado deve ser aberta nesta quarta-feira (5) às 14h para que os senadores possam debater a proposta de reforma das leis trabalhistas.

 

A discussão deve seguir até as 22h e será retomada na quinta-feira (6).

 

Na noite desta terça-feira (4), os senadores aprovaram por 49 votos favoráveis e 16 contrários o pedido de urgência para que a reforma seja o primeiro item da pauta na próxima semana.

 

Com o pedido de urgência aprovado, a votação já poderia ocorrer nesta quarta (5), como havia anunciado o líder do governo no Senado, senador Romero Jucá, há alguns dias, mas houve um acordo entre base e oposição para que a votação definitiva ocorra apenas dia 11 de julho, próxima terça-feira.

 

Por meio de seu porta-voz, o presidente Michel Temer comemorou a aprovação do pedido de urgência e disse que a votação expressiva demonstra o comprometimento da base aliada com as medidas propostas pelo governo para modernizar o país.

 

O projeto de lei da reforma trabalhista já passou pela Câmara dos Deputados e caso seja aprovado na próxima semana, será enviada para sanção presidencial.

Casos de pedofilia no Rio crescem 50% em um ano; especialistas alertam sobre vigilância nas redes

ter, 04/07/2017 - 23:26

O aumento de 50 % nos casos de pedofilia via internet no Rio de Janeiro no período de junho de 2016 a junho deste ano reforça a necessidade de vigilância por parte dos pais de crianças e adolescentes. A opinião é da titular da Delegacia de Repressão a Crimes de Informática, Daniela Terrra.

 

Para ela, os pais devem ficar atentos às mensagens que os filhos trocam na internet. A delegada afirma que o aumento no número de casos é proporcional ao uso cada vez mais precoce da internet pelos jovens.

 

Para Itamar Gonçalves, gerente da Childhood Brasil, o número de crianças que já acessam a internet surpreende e, por isso, é preciso que os pais mantenham o dialogo com os filhos.

 

 

Daniela Terra explica que é cada vez mais frequente os registros deste tipo de crime na delegacia e, também, ressalta a importância da vigilância por parte dos pais. Ela destaca, ainda, que as vítimas, a maioria entre 8 e 14 anos, são atraídas por estratégias usadas pelos pedófilos que se utilizam de um perfil falso para ganhar a confianças das crianças.

 

O gerente da Childhood Brasil também reforça que é preciso orientar as crianças de que o “mundo virtual faz parte do mundo real”.

 

 

Segundo Daniela, a Delegacia de Repressão a Crimes de Informática fez uma grande operação este ano que prendeu 10 pedófilos no estado do Rio, com ajuda de um programa adquirido pelo FBI e garantiu que o trabalho não terminou.

 

Lula diz que não sabia de suposta influência de Cunha sobre FI-FGTS

ter, 04/07/2017 - 22:56

O ex-presidente Lula disse à Justiça Federal, em Brasília, que na época do seu governo não tinha conhecimento sobre a influência do deputado cassado Eduardo Cunha na Caixa Econômica Federal .

 

Ele também negou que a indicação do ministro Moreira Franco para a vice-presidência na Caixa, em 2007, tenha partido do presidente Michel Temer, e sim que foi uma decisão do PMDB.

 

Lula prestou depoimento como testemunha de defesa indicado pelo advogado de Eduardo Cunha. O depoimento do ex-presidente foi rápido, menos de 10 minutos.

 

O processo acusa Cunha de receber R$ 52 milhões de reais das empresas OAS, Odebrecht e Carioca para aprovar, junto à Caixa, o financiamento que revitalizou o porto do Rio de Janeiro para a Olimpíada. Projeto que Lula afirmou só ter conhecido por meio da imprensa.

 

A audiência foi realizada em Brasília, mas Lula prestou depoimento por meio de videoconferência em São Paulo.

 

O ex-presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, também prestou depoimento nessa terça-feira  (4), mas a pedido da defesa do operador Lúcio Funaro. Os dois estão presos.

 

O empresário afirmou que ouvia falar da influência de Cunha sobre a Caixa.

 

Fábio Cleto é  ex-vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa. Ele fez um acordo de delação premiada  e afirma que Cunha recebia  propina  para  a liberação de verbas do FI-FGTS.

 

Aécio Neves retoma mandato no Senado e critica atuação do Ministério Público

ter, 04/07/2017 - 22:32

O senador Aécio Neves, do PSDB de Minas Gerais retomou seu mandato parlamentar nesta terça-feira, após mais de cinquenta dias fora do Senado. Ele estava afastado desde o dia 18 de maio por decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, mas na última sexta-feira, o ministro Marco Aurélio reverteu a decisão de seu colega, possibilitando o retorno do senador ao Congresso.

 

Ao chegar no plenário do Senado, Aécio recebeu os cumprimentos de vários senadores e fez um discurso lembrando sua trajetória política como militante pelas Diretas Já, nos anos 80, e como governador de Minas Gerais. Ele se defendeu das acusações de corrupção.

 

O senador criticou seu afastamento, afirmando que a decisão foi uma grave violação da Constituição Federal. Ele também criticou os benefícios dados ao empresário Joesley Batista pelo Ministério Público em seu acordo de delação premiada. Aécio disse que os benefícios assombram e enchem de indignação os brasileiros. E também mencionou o apoio de seu partido ao governo do presidente Michel Temer.

 

O senador Randolfe Rodrigues, da Rede, autor da representação no Conselho de Ética do Senado pedindo a cassação do mandato de Aécio Neves, afirmou que com a presença dele no Congresso, o andamento do pedido de cassação será mais difícil.

 

O retorno do senador Aécio não encerra os processos no STF e no Senado contra ele. O Conselho de Ética do Senado deve se reunir na próxima quinta-feira para analisar o recurso feito pelo senador Randolfe Rodrigues contra o arquivamento do pedido de cassação.

Previsão do tempo desta quarta-feira (5) para todo o Brasil

ter, 04/07/2017 - 22:15

 

Previsão do Tempo: Programete veiculado diariamente às 3h30 de segunda a sexta com produção da Rede Nacional de Rádio.

História Hoje: Há 31 anos, cosmonauta soviético batia recorde de permanência no espaço

ter, 04/07/2017 - 22:08

374 dias 17 horas e 36 minutos no espaço... O feito é do cosmonauta soviético Leonid Kizim, que bateu esse recorde em cinco de julho de 1986.

 

Foi durante a sua terceira missão, no comando da Soyuz T-15, quando ativou a primeira estação espacial que operou na órbita baixa da Terra.

 

Kizim teve a vida dedicada ao espaço. Ganhou vários prêmios pelas missões fora do planeta. Ele nasceu em 5 de agosto de 1941, em Oblast de Donetsk, hoje Ucrania.

 

Primeiro atuou como piloto de teste da Força Aérea. Só em outubro de 1965, foi selecionado como cosmonauta. A subida ao espaço pela primeira vez veio 15 anos depois, a bordo da nave Soyuz T-3.

 

A Soyuz foi uma grande parceira do cosmonauta. A bordo dela foram quatro missões, em um total de 374 dias 17 horas e 36 minutos.

 

Além de atingir o recorde no espaço, por duas vezes foi condecorado como Herói da União Soviética e três vezes com a Ordem de Lenin.

 

Há quem diga que  Kizim também teria visto anjos no céu ou figuras alienígenas, durante uma missão com outros 5 tripulantes no voo 155, em 1985.

 

A história é que a nave foi envolvida em um gás laranja. Todos perderam temporariamente a vista e ao recobrarem os sentidos visualizaram setes seres enormes do lado de fora. As figuras pareciam humanas, mas com asas e um halo brilhante.

 

Ao voltar à Terra,  a tripulação foi submetida a testes médicos e psicológicos. O caso teria sido arquivado como confidencial.

 

Leonid Kizim se aposentou em junho de 1987, após 32 anos de serviços. Morreu em Moscou em 2010, aos 68 anos, como herói...

 

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados a cada dia do ano. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.

Projeto para retomar emissão de passaportes é aprovado na Comissão Mista de Orçamento

ter, 04/07/2017 - 21:23

O projeto de lei que destina mais de R$ 102 milhões  para a Polícia Federal emitir passaportes até o final do ano foi aprovado na Comissão Mista de Orçamento nessa terça-feira. O projeto ainda precisa ser aprovado em sessão conjunta de deputados e senadores.

 

O dinheiro para os passaportes inicialmente sairia do Ministério da Educação, como propôs o governo federal. Mas o presidente da Comissão, senador Dário Berger, do PMDB, solicitou ao Ministério do Planejamento que alterasse a origem das verbas.

 

Os recursos extras para a emissão de passaportes vão sair dos valores que o Brasil destina para a ONU, a Organização das Nações Unidas. Com isso, não haverá aumento de despesas.

 

Na semana passada, a Polícia Federal cancelou a emissão de passaportes alegando falta de verbas. De acordo com a polícia, os recursos para o serviço já haviam se esgotado.

Prisão de Geddel Vieira Lima repercute entre deputados

ter, 04/07/2017 - 21:09

A prisão do ex-ministro da secretaria de governo, Geddel Vieira Lima, repercutiu no Congresso Nacional. Geddel deixou o governo em novembro do ano passado acusado de pressionar o ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero, para liberar uma obra embargada em Salvador.

 

O deputado do PSB Mineiro, Júlio Delgado, recolhe assinaturas para convocar o ex-ministro para depor na Comissão da Câmara que vai discutir a denúncia contra Michel Temer.

 

Júlio Delgado acredita que a prisão de Geddel prejudica a defesa de Temer.

 

Já o deputado governista, Beto Mansur, do PRB, diz que é preciso primeiro provar que a prisão de Geddel tem ligação com o presidente da República.

 

Para que a denúncia contra Michel Temer seja aceita, são necessários 2/3 dos votos da Câmara. Caso isso ocorra, Michel Temer é afastado do cargo por até 180 dias enquanto o Supremo julga o processo.

Vereadores querem CPI para investigar transporte coletivo no Rio

ter, 04/07/2017 - 20:43

A bancada do PSOL na Câmara de Vereadores do Rio protocolou nesta terça-feira um novo pedido de abertura de CPI, Comissão Parlamentar de Inquérito, para investigar o transporte coletivo, depois das prisões e revelações da Operação Ponto Final, que apura esquema de pagamentos de propina feitos por empresários do setor de transportes a políticos e agentes públicos, que chegaram a  R$ 260 milhões entre 2010 e 2016.

A Comissão quer apurar se o esquema também existia na concessão dos ônibus no município, se houve vantagem na definição dos preços, nas isenções fiscais e facilitação juntos ao órgãos fiscalizadores.

 

De acordo com o pedido de abertura da CPI, a tarifa de ônibus do Rio subiu mais que o dobro dos outros preços. Dados do requerimento destacam que desde o plano Real, em 1994, até julho de 2016, a tarifa de ônibus subiu 986%, sendo que a inflação do período foi de 417%.

 

Para o vereador Tarcísio Motta, que assina o pedido, os dados são um indício de que os aumentos eram concedidos acima do que era razoável.

Em 2013 no auge dos protestos contra o aumento de passagem foi aberta uma CPI para investigar o transporte coletivo, mas ela acabou sendo esvaziada depois de questionamentos sobre a composição dos membros, escolhidos pela bancada do PMDB.

O vereador Alexandre Isquierdo do (DEM) também entrou, nesta terça-feira, com pedido de instalação de uma CPI para investigar a licitação de linhas de ônibus em 2010. 

A Mesa Diretora da Câmara só deve decidir sobre a instalação das duas comissões após o recesso.

Presa jornalista suspeita de ligação com PCC

ter, 04/07/2017 - 20:13

Policias civis do Rio de Janeiro  e São Paulo prenderam nesta terça-feira uma das suspeitas mais procuradas do estado de São Paulo.

 

A jornalista e advogada Luana Don, de 32 anos, é acusada de integrar uma célula criminosa do Primeiro Comando da Capital, responsável por repassar ordens aos membros da facção, inclusive alguns já presos.

Páginas