Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Cantora faz releitura de clássicos de Edith Piaf em São Paulo

Publicado em 24/03/2018 - 11:13

Por Daniel Mello - Repórter da Agência Brasil São Paulo

Cantora Cristina Santos faz releitura da obra de Edith Piaf (Sesc Bom Retiro/Direitos Reservados)

Cantora Cristina Santos apresenta alguns dos maiores sucessos de Edith PiafSesc Bom Retiro/Direitos Reservados

Será apresentado hoje (24) e amanhã (25), no Sesc Bom Retiro, região central paulistana, o espetáculo Un Chant d'Amour à Piaf que homenageia uma das mais famosas cantoras francesas do século 20. As canções de Edith Piaf serão interpretadas pela atriz e cantora Cristina Santos com direção musical do maestro Leandro Braga.

“São as almas de duas cantoras que se fundem e se confundem no espetáculo. Eu a homenageio com a minha alma. A minha alma se confunde com a dela, entregue, passional, dramática, trágica. A história da vida da Piaf é uma loucura”, comenta Cristina sobre os sentimentos que se misturam durante sua interpretação.

O espetáculo é uma releitura do tributo à Edith Piaf feito por Cristina na década de 1990. Depois de três anos em cartaz, a cantora deixou os palcos durante mais de 20 anos e retorna agora, novamente, homenageando a cantora francesa. “O que me traz de volta agora é alegria de cantar mesmo, de curtir a voz, de curtir o som”, ressalta a interprete.

A produção traz alguns dos maiores sucessos da francesa, como Sous le Ciel de Paris, Les Amants d'un Jour e Non, Je Ne Regrette Rien. Músicas que mostram uma perspectiva do amor da francesa e também fazem um retrato dos personagens que à época viviam nas ruas de Paris. “O nosso roteiro mostrando as várias formas de amor que ela viveu e abordou na vida dela. Não só o amor de carne, sexual, mas o amor pela nação, pelos personagens. O que o nosso espetáculo traz e a maneira de vê-la agora”, diz Cristina ao explicar que o espetáculo apresenta uma leitura pessoal da obra de Piaf.

A cantora diz que se identifica com a francesa na forma visceral de cantar e viver. “Nosso ponto em comum é a entrega. Não interessa a cara do amor, o nome que ele tenha. Não interessa a cor, o gênero, não interessa, é amor. As várias formas de amor, pela cidade, pela nação, pela cultura, pelo homem”, enfatiza.

O Sesc Bom Retiro fica na Alameda Nothmann, 185. No sábado, o espetáculo começa às 21h e, no domingo, às 18h30. Os ingressos custam entre R$ 9 e R$ 30.

Edição: Juliana Andrade

Últimas