Você está aqui

Pezão promete agilizar processos de pagamento de pensão a viúvas de policiais

  • 01/09/2017 18h56publicação
  • Rio de Janeirolocalização
Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando, Pezão recebeu hoje (1°), no Palácio Guanabara, viúvas de policiais mortos este ano no estado, além de mulheres de policiais feridos durante confrontos com criminosos. Pezão garantiu apoio e assistência jurídica e psicológica às mulheres e prometeu agilizar os processos de pagamento de pensão às famílias dos policiais mortos em serviço e de documentação dos filhos destes nascidos após a morte dos agentes. 

Também participaram da reunião os secretários estaduais de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos, Átila Nunes, e da Casa Civil, Christino Áureo, respectivamente.

Átila Nunes informou que as viúvas e as mulheres dos policiais feridos serão atendidas de forma individualizada e que cada uma receberá auxílio jurídico e atendimento psicológico. "Ao perder o marido de forma violenta, essas mulheres ficaram fragilizadas emocionalmente e, por isso, é importante o acompanhamento psicológico."

O secretário acrescentou que o governo vai procuar o Rioprevidência para conseguir uma solução muito mais rápida para essas mulheres recebam logo a pensão, um dos principais pedidos feitos hoje por elas no encontro com Pezão. Átila Nunes disse que agendará, ainda neste mês, os encontros com parentes dos policiais mortos em confronto com criminosos.

Com mais uma morte nesta sexta-feira, subiu para 101 o número de policiais mortos desde o início do ano no Rio de Janeiro.

Edição: Nádia Franco