Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Casa da Morte, em Petrópolis, é declarada utilidade pública

Publicado em 31/01/2019 - 19:00

Por Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro

A prefeitura de Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, publicou decreto que declara de utilidade pública, para fins de desapropriação, o imóvel conhecido como Casa da Morte.

O local foi usado como centro clandestino pelo Centro de Informações do Exército (CIE) durante a ditadura militar (1964-1985) e lá ocorreram casos de tortura e morte.

A decisão da prefeitura foi tomada por recomendação do Ministério Público Federal.

No decreto, as procuradoras da República Vanessa Seguezzi e Monique Cheker fizeram um rápido histórico da importância do imóvel não somente para a cidade de Petrópolis, mas também para a memória nacional de fatos ocorridos durante a ditadura.

As procuradoras destacaram que o Conselho de Tombamento Municipal declarou, no dia 21 de novembro de 2018, a importância histórica e cultural do imóvel agora desapropriado.

Edição: Nádia Franco

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias