Digite sua busca e aperte enter

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, durante audiência pública conjunta das comissões de Assuntos Econômicos e  comissão Mista de Orçamento. Marcelo Camargo/Agência Brasil

Compartilhar:

Banco Central estuda medidas para estimular educação financeira

Publicado em 16/05/2019 - 14:35

Por Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil Brasília

O Banco Central (BC) estuda medidas para estimular a educação financeira no país. Uma das ideias seria juros menores no crédito para quem participar de programas de educação financeira, afirmou o hoje (16) o presidente do BC, Roberto Campos Neto, em audiência pública na Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional.

“Criatividade e tecnologia são bem vindas para ajudar a aumentar a educação financeira no país ", disse Campos Neto.

Para Campos Neto, ao melhorar a educação financeira da população, haverá menor endividamento.

Segundo o presidente do BC, há um grupo de trabalho analisando medidas para melhorar a educação financeira no país.

Edição: Valéria Aguiar

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias