Você está aqui

Pedro II abre residência docente para professores da rede básica de ensino

  • 09/01/2015 15h35publicação
  • Rio de Janeirolocalização
Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil

Estão abertas, até o próximo dia 30, as inscrições para o Programa de Residência Docente (PRD) do Colégio Pedro II, do Ministério da Educação, destinado a professores da rede pública de ensino municipal e estadual do Rio de Janeiro. As inscrições só podem ser feitas pela internet, na página www.cp2.g12.br/concurso/outrasseleções.

A pró-reitora de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura do Colégio Pedro II, Marcia Martins, disse hoje (9) à Agência Brasil que existe demanda clara por qualificação do professor de educação básica no Brasil. “Diferente da capacitação e da formação oferecidas pelas universidades, o PRD permite ao professor uma formação em serviço, com outro professor de educação básica igual a ele, que passa pelas mesmas situações, tem as mesmas questões cotidianas e tem mais tempo de experiência em sala de aula, com o mesmo tempo de ensino que o professor que está sendo formado.”

O programa começou em 2012, com  68 vagas para professores. Este ano, serão 204 vagas. Segundo a professora Marcia, em apenas cinco dias, o número de candidatos já é superior ao de vagas oferecidas. Não há, porém, possibilidade de aumentar as vagas, porque o curso é desenvolvido em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e tem orçamento pré-aprovado em relação às bolsas concedidas.

Os critérios para seleção dos candidatos, visando ao preenchimento das vagas, dão prioridade ao professor mais novo e com menos tempo de formação, uma vez que “a proposta é ajudar o recém-formado”, disse a pró-reitora. Todos os candidatos passam por entrevista para avaliar seu interesse pelo programa e se ele tem identificação com os objetivos.

O número de disciplinas aumentou de 13 (em 2012) para 19, englobando as áreas de matemática, desenho geométrico, física, química, biologia, português, inglês, espanhol, história, geografia, sociologia, filosofia, educação física, música, artes, anos iniciais do ensino fundamental, educação especial, educação infantil e informática educativa. Marcia Martins informou que as áreas correspondem aos departamentos ou grupos de departamentos do Colégio Pedro II.

A quarta turma do PRD iniciará as aulas em abril próximo. O curso terá duração de nove meses, e o residente tem que apresentar trabalho final, que é requisito para sua aprovação. “Esse trabalho final do PRD é um produto pedagógico que vai ser aplicado tanto na escola de origem do professor quanto no Pedro II, com as turmas do professor supervisor”, disse a pró-reitora.

Edição: Stênio Ribeiro