Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

TSE mantém multa a vice de Aécio por link em página do Senado

Publicado em 05/08/2014 - 21:27

Por Da Agência Brasil Brasília

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve hoje (5) a decisão individual do ministro Admar Gonzaga, que multou em R$ 5 mil o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), candidato a vice-presidente da República pela Coligação Muda Brasil, de Aécio Neves (PSDB-MG).

A multa foi aplicada em função de um link entre a página pessoal de Aloysio, na internet, e o site institucional do Senado. Gonzaga entendeu que o parlamentar fez propaganda eleitoral irregular ao direcionar o site para conteúdo com imagens e textos de contexto eleitoral. O ministro atendeu a um pedido feito pela Coligação com a Força do Povo, da candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT).

Na defesa apresentada ao TSE, os advogados do senador alegaram que o conteúdo era meramente informativo, e não é possível proibir um parlamentar de criticar o governo. O link foi retirado da página do Senado após a decisão monocrática do ministro Admar Gonzaga, no dia 11 de julho.

 

Edição: Stênio Ribeiro

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias