Você está aqui

Governo vai distribuir 5 milhões de preservativos no carnaval de 17 cidades

  • 04/02/2016 12h04publicação
  • Brasílialocalização
Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil

 

banner_carnaval_2016

 

Durante os dias de folia do carnaval,  5 milhões de camisinhas serão distribuídas em festas de rua no Recife (PE), em Olinda (PE), Salvador (BA), no Rio de Janeiro (RJ), em São Paulo (SP) e em Ouro Preto (MG), que recebem milhares de foliões. Os preservativos serão distribuídos em 17 cidades de oito estados e no Distrito Federal, pelo Ministério da Saúde.

Além dos preservativos masculinos e femininos, os foliões vão receber também sachês de gel lubrificante. Em vários locais, o personagem da campanha de carnaval deste ano do ministério, o Homem Camisinha, é quem fará a distribuição. Aeroportos, como os do Rio de Janeiro e de Salvador, e bares também terão dispositivos com preservativos disponíveis.

Brasília - Secretária adjunta de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Sônia Brito, a ministra da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, Nilcéa Freire e a assessora da secretaria executiva d

Governo vai distribuir 5 milhões de preservativos no carnaval  Elza Fiúza/Agência Brasil 

Com o slogan “Deixe a camisinha entrar na festa”, o diferencial da campanha deste ano é que, a partir da Quarta-feira de Cinzas, serão entregues folhetos nos postos de saúde e afixados outdoors sobre a profilaxia pós-exposição, que evita a proliferação do vírus HIV caso a pessoa, que fez sexo desprotegido por exemplo, tome os medicamentos em até 72 horas após a exposição ao vírus. O objetivo da campanha é reforçar a importância do preservativo para evitar a contaminação, por via sexual, do vírus HIV e outras doenças sexualmente transmissíveis.

A distribuição de camisinhas ocorrerá nas ruas, em escolas de samba e blocos em Minas Gerais, no Rio Grande do Sul, em São Paulo, no Rio de Janeiro, na Bahia, em Pernambuco, no Pará, no Ceará e no Distrito Federal. Os foliões também pode pegar preservativos nos postos de saúde.

De acordo com o Ministério da Saúde, durante todo o ano de 2015, houve a distribuição de 574 milhões de preservativos, superando os 443,8 milhões entregues em 2014.

Edição: Carolina Pimentel