Você está aqui

Turista argentina morre depois de ser esfaqueada na Praia de Copacabana

  • 17/02/2016 09h28publicação
  • 17/02/2016 11h00atualização
  • Rio de Janeirolocalização
Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil

Uma turista argentina morreu depois de ser esfaqueada na madrugada de hoje (17), na Praia de Copacabana, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, durante um assalto. Segundo a Polícia Militar, Laura Pamela Viana, de 25 anos, foi encontrada ainda com vida por policiais do Batalhão de Copacabana, que a socorreram e a levaram ao Hospital Municipal Miguel Couto.

A turista chegou a dar entrada para atendimento no hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ainda de acordo com a Polícia Militar, os policiais fizeram buscas na região e prenderam dois suspeitos de assassinar a argentina: um homem de 21 anos e outro de 32 anos. Eles foram encaminhados para a Delegacia Especial de Atendimento ao Turista da Polícia Civil e depois para a Delegacia de Homicídios.

Testemunhas que acompanhavam a vítima na hora do crime reconheceram os suspeitos como autores do ataque, segundo a Polícia Militar. De acordo com a Polícia Civil, os dois foram autuados por latrocínio e pela tentativa de mais três roubos a mão armada. O Consulado da Argentina já foi acionado.
 

Edição: Denise Griesinger