Você está aqui

Volta do feriado prolongado para São Paulo já começou

  • 27/03/2016 13h13publicação
  • São Paulolocalização
Marli Moreira – Repórter da Agência Brasil
Movimentação na rodovia dos Bandeirantes, em São Paulo

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo estima que 1,8 milhão de veículos devem circular pelas rodovias do estado, no feriado prolongado da Semana Santa Marcelo Camargo/Agência Brasil

O movimento nas estradas paulista deve se intensificar na tarde de hoje (27) na volta do feriado prolongado de Paixão de Cristo e Páscoa. Pela estimativa da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), 1,8 milhão de veículos devem circular no período a partir da região metropolitana de São Paulo.

Quem buscou as praias paulistas enfrenta lentidão no retorno à capital pela Rodovia Cônego Domênico Rangoni, um dos caminhos de acesso ao Litoral Norte. Segundo a Ecovias, que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, nas pistas que seguem para São Paulo, o tráfego está lento por excesso de veículos entre os quilômetros 256 e 260.

Também já há registro de congestionamento de 5 quilômetros na saída da Praia Grande, com reflexo na Rodovia dos Imigrantes. Nas demais estradas do Sistema Anchieta-Imigrantes, o tráfego de veículos é normal.

Da 0h da última quarta-feira (23), até às 12h18 de hoje (27), mais de 265mil veículos desceram a serra em direção à Baixada Santista. Na direção oposta, passaram mais de 198 mil veículos. Entre às 11h30 e 12h, 8,7 mil veículos subiram a Serra rumo à São Paulo.

No Sistema Anhanguera-Bandeirantes, a concessionária AutoBan registrou a circulação de 502 mil veículos do total previsto de 670 mil para todo o feriado prolongado, entre a 0h da última quinta-feira (24) e às 11h30 de hoje (27). No período, ocorreram 53 acidentes com 30 feridos e nenhum caso fatal.

A AutoBan prevê que o movimento deve crescer à tarde se estendendo até as 21h. A empresa alerta que das 14 às 22 horas, os caminhões com destino à capital pela Rodovia dos Bandeirantes devem utilizar a Via Anhanguera no trecho do km 48 ao km 23, entre Jundiaí e São Paulo, acessando a rodovia pela Saída 48 da Bandeirantes. O desvio é para melhorar a distribuição do tráfego.

Edição: Denise Griesinger