Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Minas e Energia vai pedir exoneração de diretor investigado pela PF

Publicado em 16/12/2016 - 11:54

Por Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil Brasília

O Ministério de Minas e Energia informou que vai encaminhar ainda hoje (16) à Casa Civil o pedido de exoneração do diretor do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), Marco Antônio Valadares Moreira, alvo de operação deflagrada mais cedo pela Polícia Federal e que apura esquema de corrupção em cobrança de royalties.

Confira, na íntegra, a nota da pasta enviada à redação da Agência Brasil por meio da assessoria de imprensa:

“O Ministério de Minas e Energia vai encaminhar à Casa Civil o pedido de exoneração do sr. Marco Antônio Valadares Moreira. A exoneração vale a partir de hoje. Outras informações serão prestadas pelo próprio DNPM.”

DNPM

Também por meio de comunicado, o departamento informou que ainda não teve acesso a dados e informações sobre as investigações em curso e que está tomando conhecimento do teor da operação para, se necessário, adotar as providências administrativas cabíveis.

Ainda de acordo com a assessoria de imprensa, o DNPM está colaborando com todos os órgãos envolvidos na investigação “para a completa elucidação dos fatos”.

Operação

A Polícia Federal deflagrou a Operação Timóteo em 11 estados e no Distrito Federal. Estão sendo realizadas buscas e apreensões em 52 endereços relacionados a uma organização criminosa investigada por esquema de corrupção em cobranças judiciais de royalties da exploração mineral.

Segundo a corporação, as provas recolhidas pelas equipes devem detalhar como funcionava o esquema em que “um diretor do Departamento Nacional de Produção Mineral, detentor de informações privilegiadas a respeito de dívidas de royalties”, oferecia os serviços de dois escritórios de advocacia e uma empresa de consultoria a municípios com créditos junto a empresas de exploração mineral.

Edição: Lílian Beraldo

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias