Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Região dos Lagos se recupera de temporal da semana passada

Prefeitura de Arraial do Cabo decretou estado de calamidade pública

Publicado em 20/05/2019 - 19:12

Por Douglas Corrêa - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro

A prefeitura de Arraial do Cabo, na Região dos Lagos, informou que a Rodovia RJ-140, na altura da Prainha, principal acesso ao centro da cidade, foi liberada na tarde de hoje (20), no sistema pare e siga. A estrada estava fechada há quatro dias, após o temporal que atingiu a região , deixando à população praticamente sem condução, porque os ônibus estavam impedidos de chegar ao centro de Arraial. A RJ-140 corta os municípios de Arraial do Cabo, Cabo Frio, São Pedro da Aldeia e vai até a cidade de Siva Jardim.

A Secretaria de Serviços Públicos está trabalhando na limpeza das ruas, com a retirada da lama e entulhos, retirada de galhos de árvores, móveis, cascalhos e pedras levados com a força do temporal.

A prefeitura decretou estado de calamidade pública no município na última sexta-feira (17), devido aos estragos provocados pela forte chuva.

Cabo Frio

Outra cidade da Região dos Lagos também atingida pelo temporal foi Cabo Frio. Com a trégua dada pela chuva, a força-tarefa montada pela prefeitura intensifica a limpeza das ruas nesta segunda-feira. Ainda há alagamento nas ruas Anequim, das Dunas e São Lucas, no Peró. A água invadiu as casas e está sendo estudada uma forma de retirá-la com bombas de sucção.

A Defesa Civil municipal foi acionada 80 vezes nos últimos três dias. Ontem (19), um muro desabou parcialmente em uma residência na Reserva do Peró, mas não houve feridos. As encostas na Avenida Wilson Mendes perto do Dormitório das Garças e do lado direito da subida da Ponte Feliciano Sodré permanecem isoladas por risco de deslizamento. 

Cinco casas permanecem interditadas no bairro da Gamboa, por causa do risco de deslizamento de terra e 20 pessoas foram para a casa de vizinhos. O temporal na Região dos Lagos começou, na noite da última quinta-feira quinta-feira (16), interditando três casas, sendo duas no Jacaré  e outra no Jardim Peró. Cinco pessoas foram para a Casa de Passagem e 10 para a casa de amigos e parentes. No total, 35 pessoas tiveram que deixar suas residências.

As equipes de limpeza estão trabalhando no recolhimento do lixo domiciliar e na desobstrução dos bueiros, com a finalidade de facilitar o escoamento da água da chuva que ainda está acumulada.

Até o momento, foram desobstruídos 18 ralos pelas equipes e o objetivo é que esse número chegue a 50 até o fim do dia. Além disso, está sendo feita varrição, capina e retirada da lama em diversos locais como Jardim Caiçara, Jacaré e Tamoios. No Segundo Distrito, os funcionários estão abrindo valas para que a água escoe para lagoas artificiais.

São Pedro da Aldeia

A prefeitura de São Pedro da Aldeia decretou estado de emergência por causa da chuva que atingiu a cidade na semana passada. As equipes de emergência concentraram os trabalhos hoje na retirada de lama e entulho dos bairros Poço Fundo e Balneário. Em muitos pontos o solo ainda está encharcado, o que dificulta o trabalho de limpeza. 

No bairro São João os profissionais fizeram a retirada de terra e areia, acumuladas nas ruas, após o temporal. Outra equipe se concentrou na limpeza das pistas da RJ-140.

Edição: Fábio Massalli

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias