Você está aqui

Governo grego cria plano de ajuda aos mais afetados pela crise

  • 08/02/2015 18h55publicação
  • Atenaslocalização
Da Agência Lusa

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, anunciou hoje (8) a criação de um programa de ajuda social aos que foram mais afetados pela crise no país e a recontratação dos trabalhadores do serviço público que foram despedidos.

Na apresentação do programa de governo, Alexis Tsipras explicou que o plano de ajuda imediata pretende fazer face a uma "crise humanitária", atribuindo ajuda alimentar e eletricidade gratuitas, assim como acesso aos serviços de saúde para os que "foram mais castigados pela crise".

Tsipras anunciou também que os trabalhadores cujas demissões violaram a lei vão ser recolocados nos postos de trabalho, entre os quais empregados de limpeza, funcionários de universidades e seguranças de escolas. Ele informou que vai reativar a televisão pública grega, encerrada em junho de 2013.

Em discurso no Parlamento, Tsipras disse ainda que a Grécia pretende pagar a dívida externa, mas ressaltou que a soberania nacional não é negociável. Além disso, o premiê assegurou que o governo quer respeitar o compromisso feito com o Tratado de Estabilidade, mas considera que a "austeridade não faz parte desse tratado".