Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Mais de 1 milhão de fiéis irão à primeira missa do papa no Equador

Publicado em 06/07/2015 - 15:50

Por Da Agência Lusa Guayaquil (Equador)

O papa Francisco, em visita a três países da América do Sul, vai rezar hoje (6) uma missa ao ar livre no Equador, para a qual são esperados 1,5 milhão de fiéis, calcularam as autoridades equatorianas. Dezenas de milhares de fiéis acamparam durante a noite no Parque Los Samanes, em Guayaquil, Sudoeste do país. Além de fiéis equatorianos, as autoridades esperam peruanos e colombianos.

Francisco, o primeiro papa jesuíta latino-americano, visitará o santuário da Divina Misericórdia, nos arredores da cidade, antes de chegar a Los Samanes a bordo do papamóvel. Depois da missa, o papa vai almoçar com jesuítas, antes de regressar a Quito para um encontro com o presidente Rafael Correa e uma visita à Catedral Metropolitana, no centro histórico da capital.

Domingo (5), o papa pediu à “sua amada América do Sul” para cuidar dos mais vulneráveis da população. “O progresso e o desenvolvimento devem garantir um futuro melhor para todos, prestando especial atenção aos nossos irmãos e às minorias mais vulneráveis, que são a dívida que ainda persiste na América Latina”, afirmou.

A visita papal coincide com um momento de tensão política no Equador, com apelos crescentes à saída de Correa e as maiores manifestações antigovernamentais dos últimos anos. O papa Francisco, que frequentemente aborda questões políticas, pediu a Correa para promover o “diálogo e a participação, sem exclusões”.

A última visita do papa à América do Sul foi ao Brasil em 2013, encerrada com a presença de 3 milhões de pessoas concentradas ao longo da Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, na missa de encerramento da Jornada Mundial da Juventude.

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.

Últimas notícias