Você está aqui

Bombardeiro dos EUA sobrevoa Coreia do Sul

  • 10/01/2016 12h44publicação
  • Seullocalização
Da Agência Lusa

Um bombardeiro norte-americano sobrevoou hoje (10) a Coreia do Sul, em uma demonstração de força do exército dos Estados aliados de Seul, após o teste nuclear de Pyongyang.

O bombardeiro B52 Stratofortress, que pode transportar armas nucleares, e com um raio de longo alcance, sobrevoou a base aérea militar de Osan, a cerca de 70 quilômetros ao sul da fronteira entre as duas Coreias, antes de regressar à sua base, indicou o Exército norte-americano e uma testemunha.

O B-52, que foi destacado da base norte-americana de Andersen, na ilha de Guam, é frequentemente utilizado nos exercícios militares anuais conjuntos dos Estados Unidos e da Coreia do Sul.

Contudo, os voos para alguma zona raramente são tornados públicos.

A última vez que isso ocorreu foi em 2013, após o terceiro teste nuclear norte-coreano. Na ocasião, o Exército norte-americano destacou um B52 e ainda um bombardeiro furtivo B2.

Um comunicado conjunto das forças armadas dos Estados Unidos e da Coreia do Sul diz que o bombardeiro destacado sobrevoou Osan escoltado por dois caças sul-coreanos F-15 e dois caças norte-americanos F-16.

Edição: Carolina Pimentel