Você está aqui

Washington e Pequim acertam resposta “firme” à Coreia do Norte

  • 25/02/2016 06h48publicação
  • Washingtonlocalização
Da Agência Lusa

Os Estados e a China chegaram a um entendimento sobre uma resolução das Nações Unidas contra a Coreia do Norte e não vão aceitar o país como um Estado com armas nucleares, informou hoje (25) a Casa Branca em comunicado.

A conselheira para a Segurança Nacional da Administração dos Estados Unidos, Susan Rice, e o ministro dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Yi, reuniram-se e chegaram a um entendimento sobre “a importância de uma resposta internacional firme e unida face às provocações da Coreia do Norte”, depois do quarto teste nuclear anunciado pelo governo norte-coreano em janeiro e de um ensaio de mísseis, este mês.

A resposta poderá passar por “uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, com alcance maior do que as resoluções anteriores” sobre a Coreia do Norte, já sob uma série de sanções internacionais adotadas depois dos seus três testes nucleares, diz o comunicado.

Depois do último ensaio de mísseis norte-coreanos, no último dia 7, o Conselho de Segurança da ONU informou que esperava aprovar o “mais rápido possível” uma resolução para incluir mais sanções. Desde então, os Estados Unidos e a China assumiram a liderança das reuniões para redigir o texto.