Você está aqui

Brasil condena atentados na Turquia e na Costa do Marfim

  • 14/03/2016 11h40publicação
  • Brasílialocalização
Da Agência Brasil

O governo brasileiro condenou os atentados terroristas ocorridos ontem (13) na Turquia e na Costa de Marfim, que mataram dezenas de pessoas. As autoridades turcas elevaram hoje (14) para 37 o número de mortos no atentado com a explosão de um carro-bomba, no centro de Ancara. A autoria do atentado – o terceiro na capital turca desde outubro – ainda não foi reivindicada.

“O governo brasileiro manifesta sua profunda consternação com o atentado a bomba que vitimou e feriu dezenas de pessoas nas proximidades do Parque Guven, em Ancara, Turquia, o segundo atentado que assola a capital turca em menos de um mês. Ao mesmo tempo em que transmite suas condolências aos familiares das vítimas e empenha sua solidariedade ao povo e ao governo da Turquia, o Brasil reitera seu firme repúdio a toda e qualquer forma de terrorismo”, diz a nota do Ministério das Relações Exteriores.

A organização terrorista Al Qaeda no Magrebe islâmico reivindicou ontem o ataque à estância balneária Grand-Bassam, na Costa do Marfim, onde 22 pessoas morreram. Entre as vítimas, 14 eram civis, dois militares e seis terroristas, segundo balanço oficial divulgado pela presidência da Costa do Marfim.

O Itamaraty também divulgou nota em que lamenta o atentado na Costa do Marfim e manifesta o absoluto repúdio a toda forma de terrorismo.

Edição: Carolina Pimentel