Irã condena agressão "infundada" de Israel contra a Síria

Publicado em 11/05/2018 - 07:38 Por Agência EFE - Teerã

O Ministério das Relações Exteriores do Irã condenou, nesta sexta-feira (11), os recentes bombardeios realizados por Israel na Síria e chamou a ação de "ato de agressão" baseado em pretextos "infundados".

Israel disse ontem ter dizimado a infraestrutura militar iraniana na Síria com seus ataques, efetuados em resposta ao disparo de 20 mísseis contra seu território, dos quais acusou o Irã.

"Os ataques constantes do regime sionista [Israel] em solo sírio, que foram feitos sob pretextos inventados e sem fundamento, constituem uma violação da soberania nacional e a integridade territorial da Síria e são contrários às normas internacionais", denunciou o porta-voz de Exteriores, Bahram Qasemi.

O porta-voz criticou em comunicado que "o silêncio" da comunidade internacional a respeito do assunto equivale a "um sinal verde para o regime [israelense] para que continue seus atos de agressão".

Qasemi acusou também Israel e EUA de patrocinar os grupos terroristas na Síria e de cometer estes ataques para "compensar as fortes derrotas sofridas pelos mesmos terroristas que eles criaram e inclinar a balança a seu favor".

Por isso, ele destacou que o "claro ato de agressão" de Israel na Síria demonstra "a natureza deste regime que procura a crise, é orientada à mentira e é dominante".

Quanto à Síria, Qasemi ressaltou que "o governo e a nação resistente da Síria têm direito a uma defesa legítima".

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique