Senado confirma juiz denunciado por abuso sexual para a Suprema Corte

Publicado em 06/10/2018 - 19:30 Por Agência Brasil * - Brasília

Em meio à polêmica e denúncias de abusos sexuais, o Senado norte-americano confirmou a  indicação de Brett Kavanaugh para a Suprema Corte, após uma votação apertada com 50 votos favoráveis ao juiz e 48 contrários.  

A Suprema Corte é formada por nove juízes, todos com cargo vitalício. Com a entrada de Kavanaugh, os conservadores passam a ter maioria, com cinco magistrados, contra quatro dos progressistas.

2017-12-05t211324z_1_lynxmpedb41n2_rtroptp_4_u.jpg
Donald Trump festejou a indicação de Brett Kavanaugh para a Suprema Corte   (Arquivo/Kevin Lamarque/Reuters)

A confirmação foi comemorada pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nas redes sociais.

"Aplaudo e parabenizo o Senado dos Estados Unidos por confirmar nosso grande indicado, o juiz Brett Kavanaugh, para a Suprema Corte. Mais tarde, hoje, assinarei sua nomeação e ele tomará posse oficialmente. Muito emocionante", disse Trump no Twitter.

Trump saiu em defesa de Kavanaugh em reiteradas ocasiões, especialmente depois de o juiz ser acusado de abusar sexualmente de pelo menos três mulheres quando era mais jovem.

Pouco antes da votação no Senado, o presidente afirmou que Kavanaugh era uma "pessoa extraordinária" e tinha "grande talento".

"Ele nos fará sentir orgulho", afirmou Trump, antes de embarcar para um evento no estado do Kansas.  A Casa Branca também elogiou o Senado pela decisão.


*Com informações da Agência EFE

Edição: Kleber Sampaio

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias