Digite sua busca e aperte enter

Ghosn, japão, Nissan, Carlos REUTERS/Issei Kato/File Photo/Direitos Reservados

Compartilhar:

Primeira audiência do caso Ghosn deve ocorrer em seis meses

Publicado em 20/03/2019 - 09:44

Por Agência Brasil* Brasília

A primeira audiência do executivo franco-brasileiro e ex-presidente da Nissan Motors Carlos Ghosn, no Tribunal Distrital de Tóquio, deve ocorrer em setembro. Ele é acusado de quebra de confiança e fraudes. Autoridades judiciais, promotores e a equipe de defesa de Ghosn se reuniram hoje (20) na Corte para discutir sobre o julgamento.

Promotores e advogados marcaram para 23 de maio a primeira reunião para resolver questões jurídicas envolvendo o processo. As partes negociam o pagamento de indenização que pode superar US$ 900 mil.

Ghosn é suspeito de ter ordenado aos subordinados mecanismo para bloquear informações sobre dados financeiros no sistema da Nissan Motors, empresa em que estava no comando.

O executivo nega as acusações e mantém os argumentos sobre sua inocência. Segundo seus advogados, Ghosn pretende participar das conversas que vão anteceder o julgamento, previsto para setembro.

*Com informações da NHK, emissora pública de televisão do Japão

Edição: Renata Giraldi e Graça Adjuto

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias