Digite sua busca e aperte enter

Galeria de lojas na cidade chinesa de Ywu (Ana Cristina Campos/Agência Brasil) Ana Cristina Campos/Agência Brasil

Compartilhar:

Washington aumenta impostos sobre importações chinesas; Pequim retalia

Publicado em 01/09/2019 - 10:34

Por NHK* Washington

O governo americano colocou em vigor tarifas adicionais de cerca de 15% sobre importações chinesas no valor de US$ 110 bilhões.

As taxas atingem mais de 3.200 itens, entre eles televisores LCD, relógios e móveis. Com a mudança, quase 70% dos produtos importados da China são agora tributados pelos Estados Unidos (EUA).

Pequim revidou imediatamente, implementando tarifas de até 10% sobre mais de 1.700 produtos americanos, entre eles petróleo bruto e soja.

Os dois países afirmam estar preparados para continuar a escalada na disputa comercial, com a imposição de novas tarifas até mesmo em dezembro.

O governo do presidente Donald Trump adotou uma política de tentar garantir concessões de Pequim por meio da imposição de tarifas.

Os chineses têm mostrado que não vão retroceder em questões que consideram importantes e têm respondido com a mesma tática dos americanos.

*Emissora pública de televisão do Japão

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias