Digite sua busca e aperte enter

Casa Branca Arquivo/Agência Brasil

Compartilhar:

Funcionário da Casa Branca testemunha em investigação de impeachment

Publicado em 30/10/2019 - 09:03

Por NHK* Washington

Um funcionário da Casa Branca que ouviu a conversa telefônica entre líderes dos Estados Unidos (EUA) e da Ucrânia testemunhou que ficou preocupado com as declarações do presidente Donald Trump.

O tenente-coronel Alexander Vindman é membro do Conselho de Segurança Nacional do presidente americano. Ele é o primeiro funcionário da Casa Branca a testemunhar na investigação de impeachment.

Trump é acusado de pedir ao presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, que investigasse seu rival político, o democrata e ex-vice-presidente Joe Biden. O presidente americano alega que o filho de Biden fez uso do cargo de seu pai para obter enormes lucros de uma companhia de gás da Ucrânia.

Na opinião de Vindman, não seria correto exigir que um governo estrangeiro investigasse um cidadão americano. Ele disse que relatou o caso a um advogado da Casa Branca.

Nesta semana, a Câmara dos Representantes deve votar uma resolução sobre procedimentos quanto ao possível impeachment de Donald Trump.

O testemunho de Alexander Vindman pode se tornar um sério revés para o governo de Trump.

*Emissora pública de televisão do Japão

 

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias