Digite sua busca e aperte enter

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, durante a palestra "A Construção do Brasil, da Independência à República", no STF. Marcelo Camargo/Agência Brasil

Compartilhar:

Toffoli nega pedido para suspender votação da reforma da Previdência

Publicado em 10/07/2019 - 19:58

Por André Richter - Repórter da Agência Brasil Brasília

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, negou há pouco pedido protocolado pelo deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP) para suspender a votação da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados.

No mandado de segurança apresentado ao Supremo, o parlamentar alegou que a votação deveria ser suspensa devido à liberação de emendas parlamentares pelo governo federal na semana em que a reforma é discutida na Casa.

Ao analisar o caso, o presidente do STF disse que o pedido não demonstrou que a liberação de verbas teria ocorrido em desconformidade com as normas que disciplinam a execução do Orçamento.

"Não há como presumir a interferência do Poder Executivo na deliberação e no livre convencimento do colegiado parlamentar, por mera alegação de direcionamento, em um ou outro sentido", decidiu o presidente do STF.

Ontem (9), ao falar sobre a liberação de emendas parlamentares pelo governo federal, o presidente Jair Bolsonaro disse que tudo está sendo feito com base na legislação e negou troca de favores com parlamentares.

Edição: Juliana Andrade

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas notícias