Você está aqui

Com sangramento, Bumlai será levado para hospital

  • 11/01/2016 16h48publicação
  • Brasílialocalização
Michèlle Canes - Repórter da Agência Brasil

O juiz Federal Sérgio Moro autorizou hoje (11) a ida do empresário e pecuarista José Carlos Bumlai da carceragem da Polícia Federal para o Hospital Santa Cruz, em Curitiba. O pedido foi feito nesta segunda-feira para Bumlai fazer exame de urina e tomografia computadorizada destinada diagnosticar distúrbios urológicos.

Os advogados de Bumlai alegaram que o empresário apresentava sangramento na urina antes de ser preso, mas não procurou o médico para comparecer à CPI do BNDES. Ontem (10), Bumlai teve novo sangramento o que levou o médico do pecuarista a pedir os exames.

Moro autorizou a transferência para o hospital. “Considerando a recomendação médica, autorizo o deslocamento de José Carlos Bumlai, mediante escolta, da carceragem da PF até o Hospital Santa Cruz”, decidiu o juiz.

Moro disse que os procedimentos devem ser feitos hoje ou amanhã “a depender das necessidades da Polícia Federal de organizar escolta”. Após os procedimentos, Bumlai deve retornar à carceragem da PF. “Caso seja necessário internamento, o Juízo deverá ser provocado. Se houver necessidade de internamento por urgência, fica desde logo autorizado mediante escolta”, diz a decisão.

A defesa pediu que fossem disponibilizadas sessões de fisioterapia para tratamento de osteoatrose. Com relação ao pedido, Moro disse que “deve a defesa formalizar o requerimento diretamente à autoridade policial a fim de verificar da viabilidade de realização delas no estabelecimento carcerário, trazendo somente após a questão a este Juízo”. 

Edição: Beto Coura