Você está aqui

Manifestantes contrários ao governo fazem ato em frente à Fiesp

  • 26/03/2016 16h43publicação
  • São Paulolocalização
Flávia Albuquerque - Repórter da Agência Brasil

Manifestantes contrários ao governo fizeram hoje (26), na Avenida Paulista, em frente ao prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), uma malhação do Judas com bonecos que representavam o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidenta da República, Dilma Rousseff. O ato foi organizado por um grupo que está acampado na calçada da Fiesp há pelo menos duas semanas.

De acordo com a Polícia Militar, cerca de 60 pessoas participaram da malhação, durante o qual os integrantes soltaram fumaças na cor da bandeira brasileira, bateram e colocaram fogo nos bonecos pendurados em um fio esticado na ciclovia que fica na faixa central da avenida.

A manifestação não chegou a interromper o trânsito, mas uma faixa perto da ciclovia foi reservada para os manifestantes e reaberta logo ao final da malhação.

O grupo permanece no local tocando hinos, batendo panelas, apitando e gritando palavras de ordem. Alguns carros passam buzinando e gritando as mesmas palavras.

A malhação do Judas é uma tradição católica na qual o alvo, um boneco de pano recheado de serragem, é pendurado como se tivesse sido enforcado, leva pauladas, chutes até ser queimado pelos que participantes. Ela ocorre sempre no Sábado de Aleluia, entre a Sexta-Feira Santa e o Domingo de Páscoa, e representa o julgamento popular de Judas Iscariotes, apóstolo que traiu Jesus.

Edição: Aécio Amado