Mostra de presépios traz a São Paulo peças raras produzidas em papel

Publicado em 06/12/2014 - 15:29 Por Camila Boehm - Repórter da Agência Brasil - São Paulo

Exposição aberta na manhã deste sábado (6), no Museu de Arte Sacra de São Paulo, traz para a capital paulista uma coleção de presépios de papel produzidos e impressos, em sua maioria, na Alemanha, entre 1890 e 1940. Com cerca de 150 obras raras, Presepe di Carta apresenta a coleção particular de Celso Battistini Castro Rosa. Hoje, essas obras despertam interesse de colecionadores de todo o mundo, mas no século 18 esses trabalhos eram conhecidos como “presépios de pobres” - época em que as peças de gesso, barro ou madeira eram consideradas mais nobres.

Em 1782, o imperador da Áustria Joseph II, por questões políticas com a igreja, passou a desestimular as montagens tridimensionais dos presépios, e o papel surgiu como alternativa para a representação do nascimento de Jesus Cristo, segundo Osley José Viaro, curador da mostra.

No século 19, com o surgimento da litografia - técnica de impressão que permitia a produção de cópias em larga escala, a partir de uma matriz -, as peças em papel se multiplicaram. Naquela época ocorreu o ápice dos presépios de papel, com significativo aumento na produção desses trabalhos, sendo os mais famosos provenientes de Wissenbourg (pequena comuna na região administratva da Alsácia, na França) e das cidades alemãs de Neuruppin (Brandenburg), Mainz e Augsburg.

Viaro conta que “as saudações que eram feitas pelos correios - os tradicionais cartões de Natal - eram manuscritos, e os presépios começaram a funcionar como cartões”. Ele ressalta que as peças expostas foram guardadas por muito tempo, e é possível enxergar recados atrás das imagens, o que, para ele, torna as obras uma raridade.

“O aspecto curioso é a multiplicidade iconográfica”, observa o curador, já que os presépios trazem cenários alpinos, mediterrâneos e também características das eras vitoriana e elisabetana. A cena do nascimento é a mesma, mas a representação é diversa.

O público pode visitar a exposição, no Museu de Arte Sacra de São Paulo, na Avenida Tiradentes, até 6 de janeiro. A entrada é gratuita aos sábados.

 


Fonte: Mostra de presépios traz a São Paulo peças raras produzidas em papel

Edição: Stênio Ribeiro

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
.coronavírus, pandemia, Covid-19
Saúde

Secretário adianta pontos da estratégia de vacinação para covid-19

Secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Correia, disse que está sendo feito o mesmo cálculo usado na vacinação contra influenza: cerca de 100 milhões de doses.

Palmeiras x Corinthians, Paulistão
Esportes

Corinthians e Palmeiras disputam hegemonia em finais do Paulistão

Decisão do título começa hoje (5) com o primeiro jogo no Itaquerão, às 21h30. Rivais estão empatados em número de vitórias em seis finais do estadual. 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, fala durante a solenidade de Posse dos ministros  das Comunicações e da Ciência, Tecnologia e Inovações
Política

Bolsonaro diz a embaixador que Brasil vai ajudar o povo libanês

“O Brasil está solidário e manifestamos esse sentimento ao povo libanês. Estaremos presentes nessa ajuda àquele povo que tem alguns milhões de seus dentro do nosso país”, disse o presidente.

 A Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional se apresenta no Hospital da Criança de Brasília como parte do projeto Concertos da Saúde.
Geral

Orquestra Sinfônica de São Paulo e Masp apresentam série de concertos

Concertos vão combinar arte e música no auditório do Masp. Live será transmitida a partir das 20h no YouTube.

Austrália fecha fronteira estadual pela 1ª vez em 100 anos para deter coronavírus. Na foto, pessoas com trajes de proteção em Melbourne, Austrália
Internacional

Com aumento de mortes por covid-19, Austrália terá mais restrições

Segundo estado mais populoso da Austrália, Vitoria relatou crescimento recorde de 725 novos casos de covid-19, apesar de ter restabelecido o lockdown em Melbourne, a capital.

Teletrabalho, home office ou trabalho remoto.
Economia

Serviço público tem mais pessoal em trabalho remoto que setor privado

Resultados da pesquisa evidenciam desigualdade com números gerais de trabalho remoto no país com recortes também por idade, gênero, raça/cor e escolaridade, diz o Ipea.