Participação de microempresas em financiamentos do BNDES cai 7% em 2014

Publicado em 19/03/2015 - 14:52 Por Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

As micro, pequenas e médias empresas participaram, em 2014, com 31,7% do total de financiamentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), atingindo R$ 59,37 bilhões. No comparativo com o ano anterior, houve retração de 7%. Em termos relativos, as grandes empresas seguem liderando as liberações de recursos do banco, com participação de 62,5% e um total de R$ 117,64 bilhões.

Os números divulgados hoje (19) pelo BNDES revelam que, em termos de quantidade de operações, o segmento das micro, pequenas e médias empresas registrou queda de 1% em 2014, na comparação com 2013, somando 1.086.841 transações. O resultado representou 96,2% do total de operações de financiamento do BNDES em 2014.

De acordo com a assessoria de imprensa do BNDES, o desempenho do segmento foi influenciado pelo Cartão BNDES, que fez, ano passado, 795.242 operações, com liberações recordes de R$ 11,5 bilhões. Houve alta de 5% no volume de operações e de 15% nos desembolsos por meio do cartão.

Nesse segmento empresarial, apenas o Norte e Nordeste mostraram expansão das liberações. Na primeira região, o aumento atingiu 7,16%, com total desembolsado de R$ 3,055 bilhões. Em volume de operações, a alta chegou a 2,58%, somando 56.254 transações efetuadas.

Para o Nordeste, foram liberados R$ 7,19 bilhões, com incremento de 2,36%. Em quantidade de operações, que atingiram 146.304, o crescimento atingiu 2,42%.

Para as micro, pequenas e médias empresas do Sul, os recursos liberados do BNDES recuaram 9,76%. Na sequência, vieram o Sudeste, com -8,51%, e o Centro-Oeste, com -4,57%.

As micro empresas brasileiras concentraram os maiores volumes de liberações do BNDES no ano passado (R$ 28.694 bilhões) e de operações (823.048). 

Edição: Armando Cardoso

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias