BC diz que ações de clientes de corretora liquidada estão preservadas

Ontem (7), o BC decretou a liquidação da TOV por constatar graves

Publicado em 08/01/2016 - 10:48 Por Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil - Brasília

Os títulos e as ações de propriedades de clientes, sob custódia da TOV Corretora, liquidada pelo Banco Central (BC), estão preservados. Segundo informou hoje (8) o BC, corretoras apenas custodiam e fazem a intermediação de compra de títulos e ações, cobrando uma taxa de custódia e de corretagem. Portanto, caberá aos clientes transferir a custódia dos recursos que possuíam junto à TOV para outra instituição autorizada a prestar esse serviço, acrescentou o BC.

Ontem (7), o BC decretou a liquidação da corretora por constatar graves violações às normas legais que disciplinam a atuação das corretoras de câmbio, títulos e valores mobiliários.

 “Nos próximos dias, o liquidante deverá apresentar ao Banco Central relatório com o balanço geral e o inventário patrimonial da instituição, na data da decretação do regime especial. O BC procederá a inquérito, a fim de apurar as causas que levaram a corretora ao regime especial e a responsabilidade de seus controladores e administradores”, informou a instituição em nota.

O Banco Central acrescentou que os clientes devem aguardar as ações e as comunicações do liquidante nomeado pela autarquia, Tubinambá Quirino dos Santos.

O BC informou, ainda, que o dinheiro depositado em Corretoras de Títulos e Valores Mobiliários não tem cobertura do Fundo Garantidor de Créditos (FGC). No entanto, a BM&FBovespa Supervisão de Mercados possui Mecanismo de Ressarcimento de Prejuízos.

Edição: Kleber Sampaio

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
A cúpula  maior, voltada para cima, abriga o Plenário da Câmara dos Deputados.
Política

Câmara aprova MP amplia uso de assinatura eletrônica

Objetivo da MP é facilitar o uso de documento assinados digitalmente para ampliar o acesso a serviços públicos digitais. Texto segue para o Senado.

la bombonera, estádio do boca juniors
Esportes

Equipes do futebol argentino voltam a treinos presenciais

Após paralisação de cinco meses causada pela pandemia de coronavírus, 16 das 25 equipes da primeira divisão do país sul-americano retornaram às atividades presenciais.

Programa de Incentivo à Cabotagem, BR do Mar,
Geral

Programa de incentivo marítimo BR do Mar é entregue ao Congresso

O governo entregou hoje o projeto de lei BR do Mar - iniciativa que visa expandir o tráfego marítimo de mercadorias em todo o território nacional.

 

cruzeiro guarani
Esportes

Série B: Cruzeiro vence Guarani por 3 a 2 fora de casa

Segunda rodada também teve triunfos de Juventude, Paraná e Botafogo SP, além do empate entre Brasil de Pelotas e Ponte Preta.

Mega-Sena, loterias, lotéricas
Geral

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar R$ 12,5 milhões

A quina teve 16 acertadores e cada um vai receber R$ 81.484,20. Os 1.545 ganhadores da quadra receberão o prêmio individual de R$ 1.205,49.

 Esculturas de musas na fachada do prédio da sede do Museu Nacional, na Quinta da Boa Vista, zona norte da cidade
Geral

Alerj autoriza repasse de verbas para obras no Museu Nacional

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro autorizou o repasse de verbas complementares para a reconstrução do Museu Nacional, destruído por um incêndio em 2018.