Governo pode prorrogar até quinta-feira prazo para pagar eSocial

Publicado em 07/11/2016 - 19:06 Por Mariana Branco - Repórter da Agência Brasil - Brasília

Brasília - Recolhimento de impostos na contratação dos empregados domésticos pelo eSocial começou em novembro de 2015. Patrões reclamaram da emissão das guias, devido a problemas no site (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Segundo a Receita, foi detectada lentidão no sistemaMarcelo Camargo/Agência Brasil

O governo pode prorrogar até quinta-feira (10) o prazo para empregadores domésticos pagarem o documento de arrecadação do eSocial referente a outubro. A informação é do secretário da Receita Federal, Jorge Rachid. O prazo original termina hoje (7).

Segundo Rachid, foi detectada lentidão no sistema. “Detectamos uma instabilidade no sistema. O Serpro [Serviço Federal de Processamento de Dados] vem trabalhando para conter essa instabilidade, mas estamos propondo a prorrogação para o dia 10 para dar maior conforto ao contribuinte”, disse o secretário.

Ainda de acordo com Rachid, apesar do problema, mais de 90% das guias já foram emitidas. Caso o prazo não seja estendido, quem não pagar até o fim do dia de hoje pode arcar com multa.

Segundo o secretário da Receita, uma eventual prorrogação seria oficializada mediante portaria a ser publicada no Diário Oficial da União de amanhã (8).

Para emissão da guia, o empregador deve acessar a página do eSocial na internet. O pagamento pode ser feito em guichê de caixa bancário, lotéricas, internet banking e canais eletrônicos de autoatendimento.

Edição: Juliana Andrade

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias