Funcionários do BNDES participam de ato contra proposta sobre FAT

O ato também contou com a presença de quatro ex-presidentes do banco

Publicado em 19/06/2019 - 16:47 Por Vinícius Lisboa - Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

Um ato hoje (19), na sede do Banco do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), criticou a medida prevista no relatório da reforma da Previdência, apresentado pelo deputado federal Samuel Moreira (PSDB-SP) na comissão especial da Câmara, que prevê que a parcela de 40% das receitas do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) deixe de ser repassada ao BNDES e passe a ser destinada à Previdência Social.

O ato lotou o auditório com capacidade para 400 pessoas e contou com a presença de quatro ex-presidentes do banco. O encontro foi organizado pela Associação dos Funcionários do BNDES (AFBNDES) e reuniu os ex-presidentes do banco: Dyogo Oliveira, Paulo Rabello de Castro, Luciano Coutinho e José Pio Borges. Os executivos defenderam que o FAT é uma fonte estável de recursos que permitiu que o banco tomasse outra dimensão e apoiasse projetos de longo prazo.

A associação de funcionários do banco defendeu que a mudança proposta pelo relator vai retirar R$ 20 bilhões por ano do caixa do BNDES, o que inviabilizaria R$ 410 bilhões em investimentos nos próximos 10 anos. A consequência disso, segundo as contas da associação, poderia ser deixar de criar 8 milhões de empregos.

Luciano Coutinho ponderou que o ato não era contra a reforma da Previdência, mas sim contra a inclusão dessa medida no relatório apresentado. "É algo cuja irracionalidade é evidente. Eu acredito que isso foi um acerto contábil, matemático, aritmético, de última hora e que precisamos demonstrar que não é consistente e buscar junto ao Congresso Nacional uma alternativa", disse.

Dyogo Oliveira argumentou que a medida vai na contramão da intenção de reduzir as despesas correntes do governo para abrir espaço para investimentos, já que o dinheiro será retirado do banco de fomento para ajudar no equilíbrio da Previdência Social. "É o oposto do que se pretende", disse o Oliveira.

Paulo Rabello de Castro também criticou a proposta e disse que representantes dos funcionários precisam procurar o Congresso Nacional para mostrar o impacto da proposta nos investimentos do país. "Não adianta fazermos essa reunião se não fizermos um corpo a corpo em Brasília."

O relatório apresentado na comissão especial também recebeu críticas do ministro da Economia, Paulo Guedes. Na semana passada, ao comentar as mudanças trazidas no texto, Guedes disse que houve um recuo que pode abortar a Nova Previdência.

“Vou respeitar a decisão do Congresso. Agora, se aprovarem a reforma do relator, abortaram a reforma da Previdência”, disse o ministro.

Edição: Juliana Andrade

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Bola, campeonato brasileiro
Esportes

Treze avança e garante clássico de Campina Grande na final paraibana

Galo da Borborema vence Botafogo no tempo normal e nas penalidades, e se garante na grande final da competição.

chape criciuma
Esportes

Chapecoense e Brusque se classificam para final do Catarinense

Verdão superou Criciúma na disputa de pênaltis, enquanto Quadricolor passou por Juventus com empate sem gols.

bahia x alagoinhas
Esportes

Baiano: Alagoinhas segura empate com Bahia no primeiro jogo da final

Desta forma, futuro campeão do estadual permanece totalmente indefinido. E tudo será decidido apenas no próximo sábado.

santa cruz x salgueiro
Esportes

Salgueiro faz história, bate Santa Cruz e leva título pernambucano

Pela primeira vez desde sua primeira edição, em 1915, o Campeonato Pernambucano tem um campeão de fora da capital Recife, o Carcará.

BELO HORIZONTE / MINAS GERAIS / BRASIL 05.08.2020 jogo entre América x Atlético no Estádio Independência pelo Campeonato Mineiro 2020 - Fotos: Bruno Cantini / Agência Galo / Atlético
Esportes

Mineiro: Atlético derrota América e está na final

Réver, Marrony e Savarino marcam no triunfo de 3 a 0. Tombense é o adversário do Galo na grande decisão.

O jogador Patrick de Paula, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Ederson, da SC Corinthians P, durante partida válida pela final, ida, do Campeonato Paulista, Série A1, na Arena Corinthians. (Foto: Cesar Greco)
Esportes

Corinthians e Palmeiras abrem final do Paulista com empate sem gols

Timão teve as melhores chances, mas parou em defesas de Weverton. Decisão fica aberta para partida de volta, no sábado (8), às 16h30 (horário de Brasília).