Indicador de Incerteza da Economia sinaliza queda de 5,1 pontos no mês

Indicador estaria 3,9 pontos acima do último pico antes da pandemia

Publicado em 11/12/2020 - 10:50 Por Agência Brasil - Rio de Janeiro

A prévia de dezembro do Indicador de Incerteza da Economia (IIE-Br), da Fundação Getulio Vargas (FGV), sinaliza queda de 5,1 pontos no mês, indo para 140,7 pontos.

Com o resultado, o indicador estaria 3,9 pontos acima do último pico antes da pandemia, em setembro de 2015 e, 26 pontos acima de fevereiro de 2020, período pré-pandemia.

Segundo a economista Anna Carolina Gouveia, da FGV/Ibre, após a alta da incerteza no mês anterior, o IIE-Br voltou a recuar este mês sob a influência favorável de notícias sobre o sucesso de testes e o início da vacinação contra a covid-19 em outros países.

“O completo retorno à normalização da vida cotidiana e das atividades econômicas, no entanto, ainda está distante e a combinação de aumento no número de casos e de dúvidas crescentes quanto à velocidade possível de crescimento após fim dos estímulos fiscais, em 2021, mantêm o indicador na desconfortável casa dos 140 pontos”, afirmou.

Edição: Kleber Sampaio

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias