Vendas de motos têm alta e mostram recuperação do setor em abril

Indústria vendeu 94.654 unidades, resultado 52% maior do que em março

Publicado em 11/05/2021 - 17:51 Por Bruno Bocchini - Repórter da Agência Brasil - São Paulo

A quantidade de motocicletas novas vendidas no país no mês de abril totalizou 94.654 unidades, resultado 52% maior do que o registrado em março, e 235,1% superior ao comercializado em abril do ano passado, quando o setor foi fortemente afetado pela pandemia da covid-19. No acumulado de janeiro a abril, as vendas totalizaram 300.098 motocicletas, 9,1% a mais em relação ao mesmo período de 2020. 

Os dados foram divulgados hoje (11) pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo).

“Até o mês passado, ainda lidávamos com a falta de motocicletas no varejo devido ao impacto que as produções sofreram em janeiro e fevereiro. Agora, com esses novos índices produtivos, nosso objetivo é alcançar, gradativamente, o equilíbrio entre a oferta e a demanda e, com isso, reduzir a fila de espera por motocicletas”, disse o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian.

As exportações de motos totalizaram 4.276 unidades em abril, 32,5% a menos do que em março, e 903% acima do registrado no mesmo mês de 2020. No acumulado de janeiro a abril, os embarques de motocicletas para o mercado externo somaram 17.441 unidades, uma elevação de 140,5% na comparação com o mesmo período do ano passado.

Produção

As fabricantes de motocicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus produziram 122.220 motocicletas em abril. O volume representa uma queda de 2,8% na comparação com março e de 7.179% em relação ao mesmo mês do ano passado, quando as fábricas de motos praticamente pararam em razão da pandemia da covid-19. No acumulado de janeiro a abril, foram produzidas 359.621 motocicletas, alta de 20,2% na comparação com o mesmo período de 2020.

“Depois de um primeiro bimestre bastante difícil, a produção de motocicletas apresenta uma curva de recuperação e estamos bem próximos ao patamar registrado em 2019, o que comprova isso. A perspectiva para os próximos meses é de manter esse ritmo e, com isso, regularizar o abastecimento”, ressaltou o presidente da Abraciclo.

Edição: Fernando Fraga

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias