Governo reconhece emergência por causa de chuvas em Macapá

Publicado en 14/02/2024 - 19:17 Por Oussama El Ghaouri - Repórter da Rádio Nacional - Brasília

O Governo Federal reconheceu nesta quarta-feira (14) os decretos de situação de emergência em Macapá.

As fortes chuvas atingem a capital do Amapá desde o último sábado e já deixaram pelo menos 104 famílias desabrigadas.

O objetivo dos decretos do governador do Estado e do prefeito de Macapá é acionar recursos estaduais e federais para amenizar os danos gerados pelas chuvas. Agora, o governo do estado e a prefeitura precisam apresentar os planos de ação ao Ministério da Integração. Depois dessa análise, são liberados os recursos para socorro às emergências.

Um centro de acolhimento do estado foi montado numa escola, no bairro Novo Buritizal.

Lá, 100 famílias já foram acolhidas desde o início dos temporais no último sábado, segundo o governo do estado.

Os desabrigados são cadastrados em programas sociais, recebem cestas básicas e kits de higiene.

A prefeitura de Macapá montou outros dois centros de acolhimento em escolas municipais, também com infraestrutura para receber os desabrigados.

Segundo o governo do estado, uma campanha de doação para as famílias está recolhendo roupas, eletrodomésticos e brinquedos na própria escola e por meio de coleta pelo telefone (96) 98403-0711.

Além de reconhecer os decretos de emergência em Macapá, o Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional informou que a Defesa Civil Nacional está em contato com as defesas civis e prefeituras do estado.

No início da semana, o prefeito de Macapá, Dr. Furlan, e o governador do Amapá, Clécio Luís, decretaram situação de emergência na capital.

Isso por causa das fortes chuvas e da erosão e queda de casas no Aturiá, na orla do Amazonas, devido ao avanço do rio que alagou casas e afetou a estrutura dos imóveis.

Segundo o governador Clécio Luís, o estado também está dando apoio à população do município de Santana, também atingida pelas fortes chuvas.

A população pode solicitar ajuda nos seguintes números: 193 - Corpo de Bombeiros; 190 - Centro Integrado de Operações de Defesa Social; 199 – Defesa Civil.

 

Edición: Rádio Nacional/Francisco Sousa

Últimas notícias
Segurança

Perfis bloqueados no X por ordem judicial ainda fazem transmissões

Isso é o que diz um relatório parcial da Polícia Federal (PF) aberto para investigar o empresário norte-americano e dono do antigo Twitter, Elon Musk. Foi constatado ainda que os perfis interagem com usuários brasileiros.

Baixar arquivo
Justicia

E-mail indica que Samarco conhecia risco de colapso em Mariana

Um e-mail enviado por um ex-executivo da mineradora inglesa BHP ao conselho de administração da Samarco está sendo utilizado pela defesa dos atingidos pela tragédia de Mariana (MG) como prova de que a empresa sabia dos riscos de rompimento da barragem.

Baixar arquivo
Salud

Mortes por dengue em 2024 já superam as do ano passado em 37%

São 1.601 óbitos confirmados neste ano. Outras 2 mil mortes estão em investigação, e o total de casos da doença já passa de 3,5 milhões.

Baixar arquivo
Cultura

Programação do aniversário de Brasília tem show de Alok neste sábado

O palco para a atração do DJ é em formato de pirâmide e tem quase 30 metros. O show dele deve ocorrer a partir das 21h30, mas antes disso já vai ter muita música por lá. 

Baixar arquivo
Justicia

Nunes Marques prorroga prazo para pagamento de dívida de MG com União

O ministro do Supremo Tribunal Federal prorrogou por mais 90 dias o prazo para Minas Gerais pagar a sua dívida com a União. Esse prazo se encerraria neste sábado (20).

Baixar arquivo
General

Governo recua e Petrobras pode pagar 50% de dividendos extraordinários

A decisão veio nessa sexta-feira (19), após reunião do Conselho de Administração da empresa e será levada à Assembleia Geral marcada para a próxima quinta, dia 25.

Baixar arquivo