Datafolha aponta empate técnico entre Marina Silva e Aécio Neves

A pesquisa é a primeira realizada depois da morte do presidenciável

Publicado en 18/08/2014 - 08:41 Por Karine Melo – Repórter da Agência Brasil - Brasília

banner_eleições

A primeira pesquisa Datafolha sobre a corrida presidencial, realizada depois da morte do presidenciável Eduardo Campos (PSB), foi publicada nesta segunda-feira (18) e aponta a presidenta Dilma Rousseff (PT) com 36% das intenções de voto. Em um cenário com Marina Silva ocupando a vaga deixada por Campos, que pode ser confirmada oficialmente até quarta-feira (20), a ex-senadora aparece com 21% das intenções de voto, seguida pelo candidato do PSDB, Aécio Neves com 20%. Nesta simulação da pesquisa, Marina (PSB) e Aécio aparecem em empate técnico na segunda colocação e iriam disputar uma das vaga para o segundo turno.

Entre os demais candidatos, Pastor Everaldo (PSC) soma 3% das intenções de voto. Zé Maria (PSTU) e Eduardo Jorge (PV) aparecem com 1%. Luciana Genro (PSOL), Rui Costa Pimenta (PCO), Eymael (PSDC), Levy Fidelix (PRTB) e Mauro Iasi (PCB) não pontuaram.

Na simulação com Marina como candidata, os números de voto nulo ou em branco caíram 5 pontos percentuais. Na última pesquisa, ainda com Campos, esse grupo somava 13% e, agora, recuou para 8%. Indecisos eram 14%, caindo para 9% nesta pesquisa.

O Datafolha também ouviu eleitores em um cenário sem nomes para substituir Campos. Nessa simulação, Dilma tem 41% das intenções de voto, Aécio aparece com 25%, Pastor Everaldo com 4%; Zé Maria, Eduardo Jorge, Luciana Genro e Rui Costa Pimenta somam 1% cada. Brancos e nulos somam 13% e indecisos 12%.

Na resposta espontânea, em que a intenção de voto é declarada sem a sugestão de nomes, a presidenta Dilma lidera com 24%, Aécio aparece com 11% e Marina com 5%. Na última pesquisa, a candidata do PT tinha 22%, contra 9% do tucano.

Na  última pesquisa divulgada pelo Datafolha em meados de julho, quando Campos era o candidato do PSB, Dilma tinha 36% das intenções de voto diante de 20% de Aécio e 8% de Campos. Pastor Everaldo (PSC) aparecia com 3%. José Maria (PSTU), Eduardo Jorge (PV), Luciana Genro, Rui Costa Pimenta (PCO) e Eymael (PSDC) tinham 1% cada. Levy Fidelix (PRTB) e Mauro Iasi (PCB) não pontuavam. Brancos e nulos somavam 13% e indecisos, 14%.

O levantamento Datafolha foi realizado nos dias 14 e 15 de agosto, com 2.843 eleitores em 176 municípios do país. A pesquisa está registrada no TSE sob o protocolo BR-00386/2014, tem margem de erro máxima de 2 pontos percentuais e nível de confiança de 95%.

Edición: Denise Griesinger

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas noticias
Governo de São Paulo inicia testes com vacina contra o novo coronavírus.
Salud

Gobierno revela estrategia de vacunación contra coronavirus en Brasil

El cálculo que se está haciendo es el mismo que el de la vacuna contra la gripe, con unos 100 millones de dosis en todo el país.

 Beirute, explosão, zona portuária
Política

Bolsonaro dice que Brasil ayudará al pueblo libanés

"Brasil es solidario y expresamos ese sentimiento al pueblo libanés. Estaremos presentes en esta ayuda al pueblo que tiene unos millones de personas en nuestro país", dijo el presidente.

Testagem gratuita da Covid-19 realizada pelo Instituto Butantan no estacionamento superior do shopping SP Market
Salud

COVID-19: Brasil tiene 2,8 millones de casos y un 70,3% de recuperados

Brasil sigue siendo el segundo en el ranking mundial de casos y óbitos relacionados con la pandemia. Según el mapa de la Universidad Johns Hopkins, los Estados Unidos lideran con 156.426 víctimas fatales y 4.758.028 casos acumulados.