Murray testa positivo para covid-19 e é dúvida no Aberto da Austrália

Participantes terão de cumprir isolamento de 14 dias a partir de hoje

Publicado em 14/01/2021 - 13:32 Por Kate Holton e Sudipto Ganguly - Londres (Inglaterra) e Mumbai (Índia)

O ex-número um do mundo Andy Murray testou positivo para o novo coronavírus (covid-19) recentemente e sua participação no Aberto da Austrália no próximo mês está em dúvida, informou a mídia britânica nesta quinta-feira (14).

Murray, de 33 anos, que está em isolamento e com boa saúde, recebeu um convite para jogar na chave principal do primeiro Grand Slam do ano, em Melbourne, e ainda espera disputar o torneio, de acordo com as reportagens.

No entanto, isso pode ser difícil com jogadores e autoridades obrigados a chegar à Austrália durante uma janela de 36 horas a partir desta quinta-feira (14) e precisando cumprir um isolamento obrigatório de 14 dias.

Os tenistas, que terão permissão para passar cinco horas fora de seus quartos durante a quarentena para fins de treinamento, jogarão os eventos preparatórios no Melbourne Park a partir de 31 de janeiro, antes do Aberto da Austrália, que começa em 8 de fevereiro.

Os organizadores da Tennis Australia não estavam imediatamente disponíveis para comentar. Murray está atualmente em 123º lugar no ranking mundial.

* Kate Holton em Londres e Sudipto Ganguly em Mumbai

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias