Libertadores: de olho na Bombonera, Santos decide futuro no Equador

Para avançar, Peixe tem que vencer Barcelona e Boca tropeçar

Publicado em 26/05/2021 - 16:22 Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional - São Paulo

O Santos enfrenta o Barcelona no estádio Monumental de Guayaquil (Equador), às 21h (horário de Brasília) desta quarta-feira (26), pela última rodada do Grupo C da Libertadores, mas só a vitória pode não ser suficiente para os comandados de Fernando Diniz. Além de somar os três pontos, o Peixe depende do Boca Juniors não vencer o The Strongest (Bolívia) na partida que começa no mesmo horário, na Bombonera, em Buenos Aires (Argentina).

O Barcelona tem dez pontos, na liderança da chave, já classificado às oitavas de final e não é derrotado em casa há oito partidas na temporada. O Boca aparece na sequência, com sete pontos, um a mais que Santos e The Strongest, sendo que os brasileiros ficam à frente por terem melhor saldo de gols. O time boliviano - que pode ajudar os santistas se roubar pontos na Bombonera - foi goleado nas duas partidas que disputou longe da altitude de La Paz (Bolívia).

O Alvinegro tem desfalques importantes. O atacante Marinho, ainda sem a condição física ideal após se recuperar de uma lesão na coxa, sequer viajou. O volante Alison e o meia Jean Mota estão suspensos, assim como o próprio Fernando Diniz, expulso no duelo com o Boca, em casa, pela quarta rodada, e que levou duas partidas de gancho. Sem o técnico, o time nesta quarta será dirigido pelo auxiliar Márcio Araújo.

O jeito será, como na Libertadores do ano passado, depositar as fichas nos Meninos da Vila. Dos 11 prováveis titulares em Guayaquil, sete deles são formados no próprio clube.

"Sabemos que a classificação é difícil, mas vamos fazer o nosso jogo e lutar até o fim para sair do Equador com um bom resultado, e se possível, também com a vaga. Não podemos ficar pensando muito lá no jogo do Boca, se não vamos esquecer de fazer o nosso aqui. Primeiro temos que ganhar aqui e só depois ver se o resultado lá na Argentina foi favorável para conseguirmos avançar", disse o volante Vinícius Balieiro, de 21 anos, à Santos TV.

O provável Santos vai a campo em Guayaquil com João Paulo; Pará, Kaiky, Luan Peres e Felipe Jonatan; Vinicius Balieiro, Ivonei e Gabriel Pirani; Ângelo, Kaio Jorge e Lucas Braga. Somente Pará, Luan Peres, Felipe Jonatan e Lucas Braga não foram revelados no clube.

Do lado barcelonista, o objetivo é terminar a fase na liderança do grupo, o que daria à equipe a vantagem de fazer em casa o segundo jogo do confronto das oitavas de final. Um empate diante do Santos seria suficiente. Apesar disso, o clube de Guayaquil terá praticamente força máxima em campo nesta quarta. Tanto que poupou os titulares na goleada por 4 a 0 sobre o Olmedo, no último domingo (23), pelo Campeonato Equatoriano.

Dos jogadores que atuaram na vitória por 2 a 0 sobre o Peixe na Vila Belmiro, em Santos, há um mês, as ausências são o lateral Pineida e o volante Bruno Piñatares, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Outros desfalques são o lateral Pedro Velasco e o zagueiro Darío Aimar, contundidos.

O técnico Fabian Bustos deve escalar o Barcelona com Javier Burrai; Byron Castillo, Fernando León, Williams Riveros e Leonel Quiñonez; Michael Carcelén, Nixon Molina; Michael Hoyos, Damián Díaz e Emmanuel Martínez; Carlos Garcés.

 Rádio Nacional

Edição: Marcio Parente

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias