Sob olhares do novo técnico, Corinthians vence Bragantino no Paulista

Vitor Pereira acompanhou a partida no camarote da Neo Química Arena

Publicado em 27/02/2022 - 15:41 Por Lincoln Chaves - Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional - São Paulo

O forte calor em São Paulo na manhã deste domingo (27) não foi empecilho para Corinthians e Red Bull Bragantino fazerem um jogo movimentado na Neo Química Arena. Melhor para o Timão, que venceu por 1 a 0, pela nona rodada do Campeonato Paulista, sob olhares do técnico Vitor Pereira, recém-contratado, que acompanhou a partida no camarote do estádio.

A vitória levou o Corinthians a 17 pontos, na liderança do Grupo A, com sete de vantagem para o Guarani (segundo) e dez para Água Santa e Inter de Limeira (terceiro e quarto, respectivamente). Se os dois últimos da chave perderem na rodada, o Alvinegro garante vaga, com três jogos de antecedência, às quartas de final (os dois melhores se classificam).

O Bragantino, apesar do tropeço, segue na ponta do Grupo D, com 16 pontos. São seis de vantagem sobre o vice-líder Santo André e sete do Santos (terceiro), que ainda joga pela rodada.

Aos cinco minutos, o lateral Luan Cândido arriscou da intermediária, a bola desviou no atacante Ytalo e quase saiu do alcance do goleiro Cássio, que se esticou e conseguiu salvar o Corinthians, que foi mais uma vez dirigido pelo interino Fernando Lázaro. A resposta veio aos 13 minutos, em chute do meia Renato Augusto, da entrada da área, que o goleiro Cleiton se esticou para defender. Aos 38, o meia Hyoran tentou surpreender Cássio cobrando falta no ângulo, mas ele conseguiu espalmar. Cinco minutos depois o arqueiro apareceu novamente, mandando para fora um arremate de primeira de Luan Cândido.

O Timão voltou melhor do intervalo e quase abriu o placar aos dois minutos, em cabeçada do zagueiro Gil, que Cleiton defendeu em dois tempos. Aos 32, Róger Guedes tabelou com o também atacante Willian dentro da área e bateu no canto, forçando o goleiro do Braga a se esticar para salvar. Aos 34 não teve jeito. Willian arrematou da entrada da área, Cleiton deu rebote e o atacante Gustavo Mosquito mandou para as redes. No fim os visitantes pressionaram atrás do empate, mas Luan Cândido, aos 44 minutos, parou na trave.

O próximo compromisso do Corinthians pelo Paulistão será o clássico diante do São Paulo, sábado que vem (5), às 16h (horário de Brasília), no Morumbi, na capital. O Bragantino volta a campo no dia seguinte (6), às 20h30, contra o Botafogo-SP, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Três jogos abriram a nona rodada do Estadual no sábado (26). No estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol (SP), a equipe da casa empatou por 1 a 1 com a Ponte Preta. Os atacantes Zeca (Mirassol) e Lucca (Macaca) balançaram as redes. O Leão é vice-líder do Grupo C, com os mesmos 16 pontos do Palmeiras, mas ficando atrás no saldo de gols. A Ponte é a lanterna do Grupo D, com oito pontos.

No estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), o Guarani abriu 2 a 0, mas sofreu a virada do Santo André no último lance e perdeu por 3 a 2. O meia Giovanni Augusto e o atacante Lucão do Break marcaram para o Bugre. O zagueiro Luiz Gustavo e o atacante Júnior Todinho empataram o jogo e o volante Carlos Jatobá, de cabeça, aos 48 minutos da etapa final, decretou o triunfo do Ramalhão.

Já o Ituano derrotou a Ferroviária por 3 a 1 no estádio Novelli Júnior, em Itu (SP), com gols dos atacantes Neto Berola e Iago Telles e do volante Igor Henrique, que levaram o Galo de Itu para terceiro no Grupo C, com 14 pontos. O zagueiro Arthur descontou para os visitantes, que estão em terceiro no Grupo B, com dez pontos, um atrás do vice-líder São Paulo (que tem duas partidas a menos) e a quatro do São Bernardo, primeiro da chave.

Edição: Fábio Lisboa

Últimas notícias