Policiais civis de São Paulo aderem à paralisação nacional

Publicado em 21/05/2014 - 12:26 Por Camila Maciel – Repórter da Agência Brasil - São Paulo

Somente ocorrências de natureza grave estão sendo registradas hoje (21) nas delegacias de São Paulo, segundo os sindicatos dos investigadores e dos escrivães do estado. A paralisação faz parte de uma mobilização nacional com participação de policiais de pelo menos nove estados que prevê a suspensão das atividades por 24 horas. Eles reivindicam o nivelamento do salário dos policiais em todo o país e melhores condições de segurança e infraestrutura.

As entidades não informaram quantas unidades paralisaram as atividades, mas, de acordo com Heber Souza, secretário-geral do Sindicato dos Escrivães de Polícia do Estado de São Paulo, a adesão foi maior nas unidades do interior. “Em cidades como Lins, Bauru, Assis, a categoria está bastante mobilizada. Na capital, [a adesão] não foi tão grande, mas sabemos de muitas delegacias que só estão recebendo ocorrências de natureza grave”, apontou.

A mobilização dos policiais paulistas tem reivindicações específicas para o estado. “Além da pauta nacional, estamos pedindo a modernização da polícia, investimentos em tecnologia e prioridade na área de investigação”, explicou Heber Souza. No estado, são 32 mil policiais civis. Não há previsão de manifestação pública dos policiais em São Paulo.

Edição: Davi Oliveira

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias