Banco Central lança terceiro conjunto de moedas comemorativas das Olimpíadas

Publicado em 05/08/2015 - 11:27 Por Da Agência Brasil - Brasília

Cartela com moedas de circulação comemorativas de futebol, voleibol, atletismo paralímpico e judô

Cartela com moedas de circulação comemorativas de futebol, voleibol, atletismo paralímpico e judôImagem de divulgação/Banco Central

O Banco Central (BC) lançará amanhã (6), no Rio de Janeiro, o terceiro conjunto de nove moedas comemorativas do programa numismático dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Serão uma moeda de ouro, quatro de prata e quatro de circulação comum.

A moeda de ouro homenageia o Cristo Redentor e a luta olímpica, um dos esportes que representa o lema olímpico Citius, Altius, Fortius (mais rápido, mais alto, mais forte).

As moedas de prata apresentam paisagens onde o carioca pratica esportes como o remo, corrida, ciclismo e vôlei de praia. Os reversos contêm imagens da cultura e da natureza do país: mico-leão-dourado, orquídea, sambódromo e forró. Elas dão continuidade às quatro séries temáticas: fauna, Flora, arquitetura e música Brasileira, respectivamente.

Os esportes olímpicos e paralímpicos são os destaques das moedas de R$1 de circulação comum. Neste lançamento, futebol, voleibol, judô e atletismo paralímpico representam alguns dos esportes em que o Brasil conquistou mais medalhas nos jogos.

As moedas de R$ 1 entrarão em circulação pela rede bancária e uma parte será vendida em embalagens especiais para coleção. Também será iniciada a comercialização de cartelas com conjuntos de quatro moedas de circulação comum. São três cartelas diferentes, contendo as moedas de cada um dos três lançamentos realizados.

Após o lançamento, as moedas poderão ser adquiridas no site do Banco do Brasil por meio de boleto bancário ou, no caso de correntistas do banco, por débito em conta. As moedas também estarão à venda em agências do Banco do Brasil, onde o pagamento deve ser feito em dinheiro.

O programa compreende ao todo 36 moedas, que serão lançadas até 2016. Todos os projetos foram desenvolvidos pelas equipes do Banco Central e da Casa da Moeda do Brasil, com o suporte técnico do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. As moedas são produzidas pela Casa da Moeda.

Edição: Denise Griesinger

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias