Ônibus que ligam a Baixada ao Rio circulam normalmente

Publicado em 28/04/2017 - 10:59 Por Felippe Flehr (*) - Rio de Janeiro

O Terminal Rodoviário Coronel Américo Fontenelle, na Central do Brasil, um dos principais do Rio de Janeiro, que recebe ônibus que ligam a Baixada Fluminense ao centro da cidade, enfrenta hoje (28) um movimento de passageiros reduzido por conta da mobilização contra as reformas trabalhista e da Previdência.

Segundo a Rio Ônibus, a frota funciona normalmente. No terminal, havia dezenas de veículos estacionados. Difícil de encontrar passageiros. A ambulante Karina Vasconcelos, por exemplo, contou que trabalha naquela região há anos e nunca havia visto o local tão vazio como hoje.

“Isso é raro. O movimento é sempre muito maior que esse. Pelo visto, os ônibus não aderiram ao movimento grevista, mas a população sim”. Sobre as motivações da greve, Karina disse concordar. “É necessário. Se essas reformas passarem os trabalhadores serão prejudicados”.

Dificuldades nas estradas

Um motorista de ônibus que não quis se identificar contou que, na primeira viagem do dia, já encontrou muita dificuldade nas estradas. “Muitos manifestantes, interdições de via, etc. O tráfego acabou ficando pesado. Eu, particularmente, concordo com os motivos da paralisação, mas não pode haver essa baderna. Isso só prejudica os trabalhadores”.

Ao lado do Terminal Américo Fontenelle está situada a Estação Central do Brasil, de trens.  A concessionária SuperVia informou que a operação ocorre normalmente. A recepcionista Amanda Assunção, que viajou pelo ramal Belford Roxo, avaliou o fluxo do transporte.

“Foi normal. Tem trem passando nos intervalos de horário que já são os usuais. O que chama a atenção é a quantidade de pessoas. O trem costuma vir mais cheio do que eu vi hoje. Acabou sendo bom, pois a gente costuma vir muito apertado, em condições ruins e hoje estava bem tranquilo”, disse.

Edição: Kleber Sampaio

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
O presidente da Russia, Vladimir Putin, durante Diálogo dos Líderes com o Conselho Empresarial do BRICS
Internacional

Rússia anuncia primeira vacina contra a covid-19

Produto foi aprovado pelo Ministério da Saúde. A Rússia espera agora poder iniciar a aplicação em massa, mesmo que estejam ocorrendo ainda testes clínicos para comprovar a segurança do produto.

Idosos moradores do Lar São José, em Sobradinho, no Distrito Federal, recebem presentes de Natal
Direitos Humanos

Covid-19: mais de 330 abrigos de idosos já receberam doações

As instituições que já receberam as doações representam 67% dos abrigos cadastrados na primeira etapa da Campanha Solidarize-se, ação promovida pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Parque Nacional da Tijuca
Geral

Ingresso ao Parque Nacional da Tijuca está 80% mais barato

O desconto tem por objetivo estimular o turismo local e diminuir, a curto prazo, os impactos negativos no equilíbrio econômico-financeiro dos contratos, causados pela pandemia da covid-19.

nascentes devem ser protegidas
Geral

Prazo para inscrições no Prêmio ANA 2020 termina no sábado

Inscrições devem ser feitas pelo site da premiação. Cada participante pode inscrever mais de uma iniciativa. Além disso, poderão ser apresentados trabalhos indicados por terceiros.

Premiê britânico, Boris Johnson, deixa residência oficial em Londres
Internacional

Boris Johnson teme que Reino Unido perca poder se Escócia se separar

Escócia depositou 55% dos votos contra a independência em um referendo de 2014, mas o Partido Nacional Escocês, que governa a nação, quer outro pleito.

Incendios florestais entre Miranda e Corumbá BR 262 e MS 184
Geral

Engajamento da população é vital para evitar incêndio na natureza

Coordenador ambiental diz que a educação tem que começar desde os primeiros anos das crianças, tanto em casa quanto nas escolas.