Sobe para 12 o número de mortes causadas pelas chuvas em Minas Gerais

Há 16 pessoas desaparecidas, 2.554 desalojadas e 751 desabrigadas

Publicado em 25/01/2020 - 14:32 Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil* - Brasília

O número de mortes em razão das chuvas em Minas Gerais subiu para 12. O número foi atualizado pela Defesa Civil do estado no início da tarde de hoje (25). Além dos óbitos, há 16 pessoas desparecidas, o que pode elevar as perdas.

Os temporais castigaram, até o momento, 36 municípios do estado, atingindo 3.375 pessoas. Conforme o último balanço das autoridades estaduais, sete pessoas ficaram feridas, 2.554 estão desalojadas e 751 desabrigados.

De acordo com a Defesa Civil, há risco grande de deslizamento em nove cidades da região metropolitana de Belo Horizonte: Sabará, Rio Acima, Brumadinho, Contagem, Nova Lima, Betim, Ribeirão das Neves e Ibirité, além da própria capital. Em Belo Horizonte, somente ontem (24) foram registradas 72 ocorrências desse tipo.

Entre a quinta e a sexta-feira, o volume foi o maior registrado desde que teve início o monitoramento, no ano de 1910.

A previsão é que a intensidade das chuvas reduza-se amanhã (26). A Defesa Civil, o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar continuam trabalhando no atendimento de ocorrências tanto de risco geológico (como deslizamentos e soterramentos) quanto de risco hidrológico (como alagamentos e inundações).

*Com informações de Priscila Mazenotti, repórter da Rádio Nacional

 

Edição: Nádia Franco

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias