Florianópolis, Viracopos e Brasília são os melhores aeroportos do país

Avaliação foi feita pelos passageiros durante último trimestre de 2019

Publicado em 06/02/2020 - 16:58 Por Luciano Nascimento – Repórter da Agência Brasil - Brasília

Os aeroportos de Florianópolis, Viracopos e Brasília foram avaliados pelos passageiros como os melhores terminais do país no 4º trimestre de 2019, nas suas respectivas categorias, segundo levantamento sobre a infraestrutura aeroportuária, divulgado hoje (6) pela Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC), do Ministério da Infraestrutura. A pesquisa analisa a satisfação dos passageiros nos 20 maiores terminais do país, responsáveis por 87% do total de passageiros transportados no Brasil.

Ouça na Rádio Nacional:

O levantamento mostra que os 20 aeroportos tiveram 94% de aprovação, entre outubro e dezembro de 2019, quando a pesquisa foi realizada. No total, foram feitas 24.948 entrevistas com viajantes domésticos e internacionais. A pesquisa indica ainda que, na comparação com o 4º trimestre de 2018, o índice de satisfação geral passou de 4,39 para 4,49. Pela escala, a nota 1 significa "muito ruim" e 5 "muito bom”.

Segundo o Ministério da Infraestrutura, essa foi a maior nota média já registrada na série histórica da pesquisa, iniciada em 2013. A pesquisa avalia a experiência dos passageiros de voos domésticos e internacionais em diversos itens de infraestrutura aeroportuária, atendimento e serviços.

O levantamento também avalia o desempenho de diferentes processos como check-in, inspeção de segurança e restituição de bagagens e serve como um referencial para a administração dos aeroportos.

Entre os 38 indicadores avaliados, o que trata da “cordialidade e prestatividade dos funcionários do check-in”, foi o que obteve maior nota média ficando com 4,72 na média geral dos 20 aeroportos. Já o indicador que avalia o “custo-benefício dos produtos de lanchonetes/restaurantes” registrou a menor nota (3,00).

Movimentação no Aeroporto Internacional de Brasília.
Movimentação no Aeroporto Internacional de Brasília. - Wilson Dias/Arquivo Agência Brasil

"Todos os cinco grupos de indicadores tiveram evolução na média geral, na comparação com o mesmo período do ano anterior: infraestrutura aeroportuária (+1,6%), facilidades ao passageiro (+2,1%), órgãos públicos (+0,2%), companhias aéreas (+0,6%) e transporte público (+1,6%). No agrupamento infraestrutura aeroportuária, 15 dos 16 itens avaliados obtiveram notas acima de 4 (“bom”) e 12 indicadores tiveram suas maiores médias históricas nesse trimestre", informou o ministério.

Inaugurado em setembro do ano passado, o novo Aeroporto de Florianópolis teve a maior evolução percentual (22,5%), na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior. Com isso, o terminal saltou da última colocação (nota 3,90) em 2018 para a melhor nota média na categoria até 5 milhões de passageiros/ano: 4,78.

O Aeroporto de Viracopos, em Campinas, foi o melhor avaliado na categoria de 5 a 15 milhões de passageiros ano, com nota 4,80. Já o Aeroporto de Brasília teve a melhor avaliação na categoria acima de 15 milhões de passageiros ano (4,50).

 

RESULTADOS DA “PESQUISA DE SATISFAÇÃO DO PASSAGEIRO E DESEMPENHO OPERACIONAL DO AEROPORTOS” – 4º TRIMESTRE 2019

 

RANKING DE SATISFAÇÃO GERAL POR CATEGORIA DE AEROPORTO 

Até 5 milhões de passageiros/ano

1) Florianópolis – 4,78

2) Vitória – 4,64

3) Maceió – 4,58

4) Goiânia – 4,54

5) Manaus – 4,49

6) Natal – 4,39

7) Cuiabá – 4,29

8) Belém – 4,26

 

De 5 a 15 milhões de passageiros/ano

1) Campinas – 4,80

2) Curitiba – 4,75

3) Confins – 4,57

4) Porto Alegre – 4,51

5) Fortaleza – 4,49

6) Rio-Santos Dumont – 4,40

7) Recife – 4,37

8) Salvador – 4,37

 

Acima de 15 milhões de passageiros/ano

1) Brasília – 4,50

2) Rio-Galeão – 4,46

3) SP-Congonhas – 4,36

4) SP-Guarulhos – 4,35

 

RANKING DE SATISFAÇÃO GERAL POR AEROPORTO E EVOLUÇÃO EM RELAÇÃO AO 4º TRIMESTRE DE 2018

1) Campinas – 4,80 (+0,1%)

2) Florianópolis – 4,78 (+22,5%)

3) Curitiba – 4,75 (0,0%)

4) Vitória – 4,64 (+1,3%)

5) Maceió – 4,58 (+1,6%)

6) Confins – 4,57 (-1,0%)

7) Goiânia – 4,54 (+0,1%)

8) Porto Alegre – 4,51 (+4,5%)

9) Brasília – 4,50 (+1,6%)

10) Manaus – 4,49 (-0,9%)

11) Fortaleza – 4,49 (+8,4%)

12) Rio-Galeão – 4,46 (+0,2%)

13) Rio-Santos Dumont – 4,40 (-0,2%)

14) Natal – 4,39 (+0,1%)

15) Recife – 4,37 (-1,6%)

16) Salvador – 4,37 (+4,4%)

17) SP-Congonhas – 4,36 (+0,5%)

18) SP-Guarulhos – 4,35 (0,0%)

19) Cuiabá – 4,29 (-1,0%)

20) Belém – 4,26 (+4,2%)

 

Edição: Lílian Beraldo

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
 senador Marcos Rogério (DEM-RO)
Política

Senado  ratifica o Protocolo de Nagoia no Brasil

Documento aprovado no Senado regulamenta o acesso e a repartição de benefícios dos recursos genéticos da biodiversidade. O texto segue para promulgação.

Live da Semana - Presidente Jair Bolsonaro - 06/08/2020
Política

Pazuello diz que estados estão mais preparados para enfrentar pandemia

Ministro interino da Saúde participou de live ao lado do presidente. Mudança de protocolo do ministério foi um dos fatores que deixou estados mais preparados.

A cúpula  maior, voltada para cima, abriga o Plenário da Câmara dos Deputados.
Política

Senado aprova redução de prazos para revalidação de diplomas

O PL prevê a revalidação em prazo entre 30 e 60 dias no caso de instituições estrangeiras reconhecidas pelo Ministério da Educação e contam com um processo simplificado. 

Escola fechada por cinco dias após relatos de coronavírus.
Justiça

Justiça suspende retorno das aulas presenciais na rede privada do DF

A retomada foi autorizada na terça-feira pela primeira instância após outra decisão que a proibiu. Algumas escolas chegaram a retomar as atividades nesta quinta-feira.

Saúde

Ministério da Saúde monitora síndrome em crianças associada à covid-19

Síndrome inflamatória multissistêmica ocorre em crianças de 7 meses a 16 anos. Até agora, foram notificados 71 casos no Brasil e registradas três mortes.

Incêndio no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Divulgação/Parnaso)
Geral

Bombeiros combatem fogo na Serra dos Órgãos pelo terceiro dia seguido

Criado em 1939, o Parnaso é o terceiro parque mais antigo do país e costuma ser procurado para prática de esportes de montanha, como escalada, caminhada e rapel.