Defesa Civil vai às praias do Rio para pedir que banhistas se retirem

Medida é preventiva para conter transmissão do coronavírus

Publicado em 16/03/2020 - 14:14 Por Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

Depois do anúncio de antecipação das férias escolares pelo governo do estado e pela prefeitura do Rio de Janeiro, como medida para conter a transmissão do coronavírus, o fim de semana ensolarado levou muitos banhistas às praias da cidade, contrariando recomendação da Organização Mundial da Saúde e do Ministério da Saúde de evitar aglomerações.

Na manhã de hoje (16), quem foi à praia foi surpreendido por carros do Corpo de Bombeiros com alto-falantes pedindo que a população permaneça em casa e faça a sua parte para conter o avanço da doença. O estado do Rio de Janeiro tem 25 casos confirmados, um em estado grave.

Segundo a Secretaria de Estado de Defesa Civil, as viaturas do Corpo de Bombeiros estão rondando a orla das praias e as ruas orientando as pessoas para que evitem aglomerações”. Em nota, a corporação informa que as praias da capital, região metropolitana e de Cabo Frio já receberam os alertas, que serão estendidos também a outros municípios fluminenses.

Em um vídeo feito na Praia Vermelha, na zona sul do Rio de Janeiro, com o Pão de Açúcar ao fundo, é possível ouvir o áudio de um alto falante que diz: “Bom dia. A Defesa Civil estadual pede à população que evite aglomeração nas praias. Por favor, para a sua segurança, dos seus vizinhos, amigos e familiares, volte para casa. O momento é de conscientização. Faça a sua parte e ajude a prevenir e controlar o coronavírus. Você sempre conta com o Corpo de Bombeiros. Podemos contar com você? Obrigado.”

Também há vídeos circulando pelas redes sociais na praia de Botafogo, que não é própria para banho, mas é muito utilizada para a prática de esportes na faixa de areia, e na Barra da Tijuca. O mesmo recado é lido, após o acionamento de uma sirene para chamar a atenção das pessoas.

Mensagem

O governador, Wilson Witzel, reforçou a mensagem em sua conta no twitter: “Nossa prioridade é conter ao máximo a proliferação do vírus e reduzir os danos à população. Mas ações duras só terão efeito se as pessoas entenderem a real dimensão do problema. O cenário do último fim de semana, com praias e lugares públicos lotados, não deve se repetir.”

Witzel também informou que irá anunciar na tarde de hoje outras “medidas restritivas para os servidores e também para a população”.

Edição: Maria Claudia

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Médicos fazem treinamento no hospital de campanha para tratamento de covid-19 do Complexo Esportivo do Ibirapuera.
Internacional

OMS: covid-19 põe em risco anos de progresso em saúde nas Américas

Diretora regional da organização, Carissa Ethienne pediu aos governos que aumentem os gastos em saúde para pelo menos 6% do PIB.Para ela, média atual de 3,7% não é suficiente.

Entrega de 528 novas moradias do programa de habitação de interesse social do Governo Federal, em São Sebastião, Distrito Federal
Economia

Inflação para famílias de renda mais baixa fica em 0,50% em julho

O índice é calculado com base em preços coletados em sete capitais brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife e Salvador.

O Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (LACEN) está realizando exames para identificação do novo coronavírus (COVID-19)
Saúde

Universidade de Brasília e HUB iniciam teste de vacina contra covid-19

Os primeiros que vão participar do estudo-teste são cinco profissionais da saúde que atuam no atendimento de infectados, mas não tiveram ainda a doença, informa a UnB.

Destruição provocada por explosão em Beirute
Internacional

Líbano lida com devastação feita por explosões no porto

O grande número de feridos levou a uma superlotação dos hospitais de Beirute, informou a Cruz Vermelha. O presidente do Líbano anunciou recursos de US$ 66 milhões em fundos de emergência.

Internacional

Vendedores e consumidores enfrentam riscos em mercado de Caracas

No maior mercado de produtos agrícolas da capital venezuelana, as pessoas dão pouca atenção às regras de distanciamento, embora muitos usem máscaras

São Paulo - Comitê Paralímpico Brasileiro anuncia os 25 atletas convocados para a seleção que participará do Mundial de Paratletismo Londres 2017, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro (Rovena Rosa/Agência Brasil)
Esportes

Bolsa Atleta: divulgada lista de contemplados no programa

Ao todo são 109 atletas contemplados de modalidades que fazem parte dos programas Olímpico e Paralímpico, referente ao pleito 2019.