ONU pede aumento drástico de ajuda contra o ebola

Publicado em 16/10/2014 - 10:32 Por Da Agência Lusa - Brasília

O Conselho de Segurança das Nações Unidas pediu hoje (16) aumento drástico da ajuda dos Estados-Membros para enfrentar a epidemia de ebola, considerada a questão de saúde "mais grave dos últimos anos”.

Muitos países ocidentais, alguns deles agora afetados por casos de contágio em seus territórios, decidiram reforçar medidas de controle nas fronteiras.

“A progressão sem precedentes da epidemia de ebola na África Ocidental representa uma ameaça à paz e à segurança internacionais”, ressaltou o conselho, que pediu aos países-membros da Organização das Nações Unidas que aumentem a "ajuda financeira e material” aos países atingidos pelo vírus.

De acordo com o último balanço da Organização Mundial da Saúde, o ebola já causou 4.493 mortes e 8.997 casos registrados em sete países – Libéria, Serra Leoa, Guiné-Conacri, Senegal, Espanha e Estados Unidos.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias