Governo canadense propõe projeto de lei contra ameaças terroristas no país

Publicado em 30/01/2015 - 19:50 Por Da Agência Brasil - Brasília

O governo do Canadá apresentou hoje (30), na Câmara dos Comuns, novo projeto de lei para combater o terrorismo nas fronteiras nacionais. De acordo com o primeiro-ministro, Stephen Harper, a nova legislação tem por objetivo ampliar poderes das forças de segurança, de modo que elas tenham mais agilidade e flexibilidade para reagir a ameaças de extremistas islâmicos.

Pelo Projeto de Lei Antiterrorista 2015, apologia e promoção de atos terroristas passam a ser crime, as forças policiais terão mais poderes para deter pessoas suspeitas de envolvimento com o terrorismo, nos aviões e aeroportos, passageiros que representem ameaça terrorista poderão ser impedidos de viajar e websites canadenses com conteúdo de propaganda terrorista poderão ser tirados do ar. Segundo o governo, a ideia é evitar complôs e recrutamento de jovens para a jihad (guerra santa) em outros países.

O anúncio eleva o debate sobre liberdades e garantias individuais no Canadá. Para os críticos, o projeto restringe direitos constitucionais dos canadenses. Em resposta, Stephen Harper disse que o mundo está cada vez mais “inseguro” e que o “jihadismo é um ato de guerra”. “A jihad é que é uma ameaça e tem tirado nossas liberdades. As forças policiais estão do nosso lado”, afirmou.

Ele destacou que o terrorismo não é uma possibilidade distante, mas uma realidade verificada dentro do país, com o assassinato, em outubro do ano passado, de dois militares em Ottawa (capital) e Saint Jean sur Richelieu, por extremistas islâmicos.

Nas últimas semanas, o governo conservador é alvo de críticas da oposição liberal pela participação do Canadá na coalizão contra jihadistas do Estado Islâmico no Iraque e na Síria. Inicialmente, as forças canadenses deveriam se restringir a missões aéreas e ao treinamento das forças no Iraque.

Entretanto, o recente conhecimento de que militares canadenses estiveram envolvidos em troca de tiros contra jihadistas em terra, levou a oposição a acusar o governo de mentir ao povo do Canadá. Em seu discurso, Harper rebateu as críticas, afirmando que, se as forças canadenses forem atingidas, devem “reagir”.

O projeto ainda terá de ser aprovado pelo Parlamento para se tornar lei, mas já esquenta o debate faltando oito meses para as eleições gerais no país.

Edição: Armando Cardoso

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Rebecca (esq) e Ana Patrícia
Esportes

Vôlei de praia: CBV anuncia datas do retorno do circuito nacional

As duas primeiras etapas, das cinco previstas, ocorrerão em Saquarema (RJ). As sedes das demais ainda não foram confirmadas e as disputadas devem ocorrer até dezembro.

Soccer Football - Brasileiro Championship - Palmeiras v Corinthians - Pacaembu Stadium, Sao Paulo, Brazil - November 9, 2019   Palmeiras' Bruno Henrique celebrates scoring their first goal   REUTERS/Rahel Patrasso
Esportes

Rivais divergem sobre testes da covid-19 antes de final do Paulistão

Com time confinado, Corinthians dispensa exames para detectar a presença do novo coronavírus. Palmeiras contesta posição do rival.

Brenda Castillo, líbero, Sesi Vôlei Bauru
Esportes

Sesi Bauru e Montes Claros América investem pesado em reforços

 A renomada líbero dominicana Brenda Castillo retorna ao time paulista. Quem também está de volta é o experiente Tiago Brendle, de 34 anos, que fechou com o clube mineiro.

Comércio da cidade do Rio de Janeiro funciona com restrições
Saúde

Estado do Rio tem 168.064 casos de covid-19 desde início da pandemia

Desde ontem foram registrados 32 óbitos e 839 pessoas infectadas pelo novo coronavírus. O estado soma agora 13.604 mortes pela doença e 144.850 pacientes recuperados. 

Hospital de campanha do Maracanã no Rio de Janeiro
Justiça

Justiça do Rio impede fechamento de hospitais de campanha

Segundo secretaria, hospitais de São Gonçalo e do Maracanã estão abertos, mas sem pacientes por causa de vagas em unidades regulares da rede estadual.

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, fala à imprensa , após reunião com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada
Justiça

Defesa de Onyx assina acordo de não persecução penal com a PGR

Apesar do acordo fechado com a PGR, é necessário que o caso seja analisado pelo Supremo Tribunal Federal. Ministro-relator vai decidir se homologa acordo.