Putin decide não expulsar diplomatas norte-americanos

Publicado em 30/12/2016 - 11:55 Por Da Agência Ansa - Moscou

Apesar das divergências, o presidente Putin desejou um "bom ano novo" para Barack Obama e toda a sua família - Divulgação

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou que "não vai expulsar" diplomatas norte-americanos em resposta à recente expulsão dos Estados Unidos, nesta quinta-feira (29), de 35 diplomatas russos.  As informações são da Agência Ansa.

Segundo o comunicado do Kremlin, a "Rússia se reserva ao direito" de responder aos EUA, "mas não caíremos ao nível de 'diplomacia de cozinha', irresponsável, e daremos os próximos passos da retomada das relações russo-americanas partindo da política que será conduzida pela administração do recém-eleito presidente Donald Trump", informou Putin nesta sexta-feira (30).

Para ele, a atitude do presidente Barack Obama foi "hostil" e "contradiz os interesses principais dos povos russo e norte-americano, tendo em conta a responsabilidade particular da Rússia e dos EUA para garantir a segurança global". O mandatário ainda afirma que o que Washington fez "danifica o sistema inteiro de relações internacionais".

Mais cedo, Putin recebeu do ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, uma lista com 35 nomes de diplomatas americanos que seriam declarados "persona non grata" pela Rússia. Segundo Lavrov, 31 deles atuam na embaixada americana em Moscou e quatro no consulado geral em São Petersburgo. "Agiremos segundo o princípio da reciprocidade", afirmou o ministro sobre a medida.

Feliz Ano Novo

Na mesma nota em que informa que não expulsará diplomatas norte-americanos, o presidente Putin desejou um "bom ano novo" para Barack Obama e toda a sua família. Segundo o mandatário, as felicitações ocorrem "mesmo que a administração norte-americana termine desta maneira", com expulsões de diplomatas.

Putin ainda desejou felicidades a "todo o povo norte-americano" e ao presidente eleito, Donald Trump, para quem rendeu votos de "prosperidade e bem estar". O líder russo também convidou "todos os filhos pequenos dos diplomatas norte-americanos" para participar da tradicional festa de fim de ano do governo russo no Kremlin.

Edição: Lidia Neves

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
A cúpula  maior, voltada para cima, abriga o Plenário da Câmara dos Deputados.
Política

Câmara aprova MP amplia uso de assinatura eletrônica

Objetivo da MP é facilitar o uso de documento assinados digitalmente para ampliar o acesso a serviços públicos digitais. Texto segue para o Senado.

la bombonera, estádio do boca juniors
Esportes

Equipes do futebol argentino voltam a treinos presenciais

Após paralisação de cinco meses causada pela pandemia de coronavírus, 16 das 25 equipes da primeira divisão do país sul-americano retornaram às atividades presenciais.

Programa de Incentivo à Cabotagem, BR do Mar,
Geral

Programa de incentivo marítimo BR do Mar é entregue ao Congresso

O governo entregou hoje o projeto de lei BR do Mar - iniciativa que visa expandir o tráfego marítimo de mercadorias em todo o território nacional.

 

cruzeiro guarani
Esportes

Série B: Cruzeiro vence Guarani por 3 a 2 fora de casa

Segunda rodada também teve triunfos de Juventude, Paraná e Botafogo SP, além do empate entre Brasil de Pelotas e Ponte Preta.

Mega-Sena, loterias, lotéricas
Geral

Mega-Sena acumula e próximo sorteio deve pagar R$ 12,5 milhões

A quina teve 16 acertadores e cada um vai receber R$ 81.484,20. Os 1.545 ganhadores da quadra receberão o prêmio individual de R$ 1.205,49.

 Esculturas de musas na fachada do prédio da sede do Museu Nacional, na Quinta da Boa Vista, zona norte da cidade
Geral

Alerj autoriza repasse de verbas para obras no Museu Nacional

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro autorizou o repasse de verbas complementares para a reconstrução do Museu Nacional, destruído por um incêndio em 2018.