Ucrânia pede que Rússia seja proibida de disputar Jogos de Inverno de 2018

Publicado em 26/09/2017 - 10:18 Por Da EFE - Kiev

O Centro Nacional Antidopagem da Ucrânia (NADTS) pediu ao Comitê Olímpico Internacional (COI) para que proíba a participação da Rússia nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018, em PyeongChang, na Coreia do Sul, devido aos casos de corrupção e de doping no esporte do país vizinho. As informações são da EFE.

De acordo com um comunicado, a Ucrânia se uniu recentemente às demandas do Instituto de Organizações Nacionais Antidoping (iNADO) que, com o apoio de uma série de países, pediu ao COI para excluir a Rússia dos Jogos de Inverno do próximo ano.

"Condenamos energicamente as violações das normas internacionais antidoping, os princípios de jogo limpo e as regras morais e éticas do esporte que aconteceram em nível estatal por parte da Rússia, particularmente nos Jogos de Inverno de Sochi", disse a Ucrânia.

No último dia 14 de setembro, 17 líderes de organizações nacionais antidoping se reuniram em Denver, nos Estados Unidos, para exigir que o governo da Rússia assuma publicamente a responsabilidade pelas "ações fraudulentas" descritas no relatório da Agência Mundial Antidoping (Wada).

"A falta de investigação e punição apropriada para os que violaram as nomas antidopagem ignora a credibilidade de milhões de atletas limpos no mundo todo", denunciou o iNADO.

No entanto, a Ucrânia defende que atletas russos possam participar individualmente dos Jogos de Inverno de 2018, desde que passem por exames antidoping.

Segundo o relatório da Wada publicado no ano passado, mais de mil atletas russos estiveram envolvidos em práticas de doping nos Jogos de Londres de 2012 e nos Jogos de Inverno de Sochi em 2014.

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Brenda Castillo, líbero, Sesi Vôlei Bauru
Esportes

Sesi Bauru e Montes Claros América investem pesado em reforços

 A renomada líbero dominicana Brenda Castillo retorna ao time paulista. Quem também está de volta é o experiente Tiago Brendle, de 34 anos, que fechou com o clube mineiro.

Comércio da cidade do Rio de Janeiro funciona com restrições
Saúde

Estado do Rio tem 168.064 casos de covid-19 desde início da pandemia

Desde ontem foram registrados 32 óbitos e 839 pessoas infectadas pelo novo coronavírus. O estado soma agora 13.604 mortes pela doença e 144.850 pacientes recuperados. 

Hospital de campanha do Maracanã no Rio de Janeiro
Justiça

Justiça do Rio impede fechamento de hospitais de campanha

Segundo secretaria, hospitais de São Gonçalo e do Maracanã estão abertos, mas sem pacientes por causa de vagas em unidades regulares da rede estadual.

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, fala à imprensa , após reunião com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada
Justiça

Defesa de Onyx assina acordo de não persecução penal com a PGR

Apesar do acordo fechado com a PGR, é necessário que o caso seja analisado pelo Supremo Tribunal Federal. Ministro-relator vai decidir se homologa acordo.

Hospital de campanha para vítima de Covid-19 em Santo André, São Paulo
Saúde

Covid-19: Brasil registra mais 561 mortes; total chega a 94.665

Doença atingiu 2,75 milhões de brasileiros; 69,5% já se recuperaram. Atualmente, 743.334 pacientes estão em acompanhamento.

Painel Resolveu
Geral

EBC fica em primeiro no ranking de elogios entre instituições federais

De 1º de janeiro a 31 de julho, a administração federal recebeu 4.656 elogios de usuários de 333 instituições; EBC recebeu 417 elogios, e Ministério da Economia, 375.