Autoridades dos EUA descartam vínculos terroristas com tiroteio na NSA

Publicado em 14/02/2018 - 18:34 Por Da Agência EFE - Washington

FBI Special Agent in Charge Gordon Johnson speaks at a news conference after a shooting outside the National Security Agency (NSA) headquarters in Fort Meade, Maryland, U.S. February 14, 2018.

O agente especial do FBI, Gordon Johnson, durante a coletiva.REUTERS/Sait Serkan Gurbuz

As autoridades dos Estados Unidos descartaram nesta quarta-feira (14) que o tiroteio ocorrido esta manhã em frente à sede central da Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) em Maryland, nos arredores de Washington, "tenha qualquer relação" com um possível ataque terrorista. A informação é da EFE.

"Não há razão para crer que o incidente do tiroteio na NSA tenha qualquer relação com o terrorismo", afirmou o agente especial do FBI, a polícia federal americana, Gordon Johnson, durante uma coletiva. "Acreditamos que se trata de um incidente isolado e pedimos paciência enquanto a investigação continua", afirmou o FBI através de um comunicado divulgado após a entrevista.

Os fatos aconteceram às 7h locais (10h em Brasília) quando um veículo não teve sua passagem permitida pelo controle de segurança de uma das entradas da base militar de Fort Meade, situada 34 quilômetros ao norte de Washington e onde fica a sede da NSA. Segundo as autoridades, três pessoas estão sob custódia por participação no incidente: o motorista do veículo, um agente da própria NSA e um pedestre que presenciou o ocorrido.

Os três envolvidos ficaram feridos durante o incidente, mas apenas o motorista teve que ser levado para um hospital próximo, onde permanece em observação.

As autoridades confirmaram o tiroteio, mas assinalaram que nenhuma das pessoas envolvidas tinha sido atingida por algum disparo e que o motorista teve que ser hospitalizado pelos ferimentos causados após o impacto de seu veículo contra um muro de concreto.

Imagens emitidas por várias emissoras de televisão mostram uma caminhonete de cor preta presa nas barreiras de proteção que ficam no acesso à base.

Pouco depois do incidente, a Casa Branca confirmou que o presidente americano, Donald Trump, tinha sido informado do ocorrido. "Nossos pensamentos e orações estão com todos os que foram atingidos", assinalou a porta-voz adjunta da Casa Branca, Lindsay Walters, em um breve comunicado.

* É proibida a reprodução total ou parcial desse material. Direitos Reservados.

Edição: -

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
Brasília - Movimento nas rodovias do Distrito Federal na véspera do feriado de Carnaval (Elza Fiuza/Agência Brasil)
Economia

Pesquisa mostra que brasileiro viajou pouco no 3º trimestre de 2019

Os principais motivos alegados para nenhum morador do domicílio ter viajado no período pesquisado foi a falta de dinheiro (48,9%), falta de tempo (18,5%) e não ter necessidade (13,5%).

Internacional

Bielorrússia e Líbano são temas de reunião da UE na sexta-feira

"As eleições não foram nem livres nem justas. Procederemos a uma revisão aprofundada das relações da UE com a Bielorrússia, afirmaram em comunicado os 27 países do bloco.

Forte explosão na região portuária de Beirute
AO VIVO Política

Ao vivo: missão brasileira embarca com toneladas de material a Beirute

Chefiada pelo ex-presidente Michel Temer, a missão leva 6 toneladas de materiais entre medicamentos, e alimentos a Beirute, que foi fortemente afetada por uma explosão há oito dias.

Fachada da Caixa Econômica Federal
Economia

Caixa credita hoje auxílio emergencial para nascidos em julho

O auxílio, com parcelas de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras), foi criado para reduzir os efeitos da crise econômica causada pela pandemia de covid-19.

Londres, coronavírus, covid - 19
Internacional

Museu da Ciência reabrirá em Londres no próximo dia 19

Museu oferece ingressos online com hora marcada para um número reduzido de visitantes, a fim de permitir o distanciamento social e controlar a movimentação.

Pessoas em parque de Paris
Internacional

França: nova onda de covid-19 pode ter controle mais difícil

O presidente Emmanuel Macron, afirmou, em videoconferência com ministros, que a França vai adotar novas restrições para as 20 maiores cidades do país, visando a  conter a taxa de infecções.