Noventa refugiados desaparecem em naufrágio na Líbia

Publicado em 02/02/2018 - 12:55 Por Marieta Cazarré - Correspondente da Agência Brasil - Lisboa

A Organização Internacional para as Migrações (OIM), organismo vinculado à Organização das Nações Unidas (ONU), informou que pelo menos 90 migrantes desapareceram em um naufrágio na costa da Líbia hoje (2) de manhã.

A porta-voz da organização, Olivia Headon, afirmou que dez corpos foram achados na costa, perto da cidade líbia de Zuwara, após a tragédia. Acredita-se que oito dos mortos eram paquistaneses e dois líbios. Há relatos de que três passageiros conseguiram se salvar, sendo um paquistanês e dois líbios.

Até ontem (1º), a OIM contabilizou 6.997 migrantes e refugiados que entraram na Europa pelo mar e 245 por terra. O dado é comparável aos 5.983 que desembarcaram em 2017. A Itália recebeu aproximadamente 64% do total de migrantes, sendo o restante dividido entre a Espanha (19%) e a Grécia (16%).

O número de mortos no Mediterrâneo este ano (de 1º de janeiro a 2 de fevereiro) chegou a 343. No mesmo período do ano passado foram registradas 254 mortes. Em 2016, no mesmo período, foram 379. O Projeto Migrantes Desaparecidos, da OIM, registrou, desde 2014, mais de 3 mil mortes no Mediterrâneo a cada ano.

Edição: Graça Adjuto

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias