Trump estima 10 mil pessoas em caravana e diz que não entrarão nos EUA

Publicado em 24/10/2018 - 06:20 Por Agência EFE - Washington

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, afirmou que há cerca de 10 mil migrantes em caravana rumo a seu país, e admitiu que não tem "provas" de que nela haja cidadãos de países do Oriente Médio ou mesmo terroristas.

"Não entrarão", disse Trump em entrevista no Salão Oval da Casa Branca, ao ser perguntado sobre a caravana de migrantes, em sua maioria de nacionalidade hondurenha, que percorre o México em direção aos EUA.

"Teremos que chamar nossos militares se necessário, mas não podemos permitir que isso ocorra. Não podemos permitir que o nosso país seja violado assim", acrescentou.

Caravana de hondurenhos começa a entrar a à força no México, a partir da Guatemala
Caravana de hondurenhos no México - EFE/Esteban Biba/Direitos reservados

Trump declarou que sabe "muito bem estimar o tamanho de multidões" e calculou que na caravana há cerca de "10 mil pessoas".

O cálculo de Trump supera o do governo do México, que estima em 4,5 mil o número de integrantes, e o das Nações Unidas, que acredita que ela pode estar composta por 7.233 pessoas.

Trump alertou ontem que entre os imigrantes há "criminosos e pessoas desconhecidas do Oriente Médio", sem dar mais detalhes, depois que veículos de imprensa conservadores dos EUA especularam a possibilidade de que terroristas do grupo Estado Islâmico tenham se infiltrado.

Perguntado hoje sobre se tem dados que provem essas informações, Trump respondeu que não, mas que "poderia ser (verdade), perfeitamente".

O vice-presidente americano, Mike Pence, afirmou, no mesmo comício, que Trump está "absolutamente decidido a usar todos os meios que tem à disposição para organizar esforços com o objetivo de que o México faça essa caravana retornar".

Trump ameaçou "fechar" militarmente a fronteira com o México, na qual há 2.200 membros da Guarda Nacional, e cortar a ajuda econômica americana à Guatemala, a Honduras e El Salvador por não ter contido a caravana.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique
Últimas notícias
 senador Marcos Rogério (DEM-RO)
Política

Senado  ratifica o Protocolo de Nagoia no Brasil

Documento aprovado no Senado regulamenta o acesso e a repartição de benefícios dos recursos genéticos da biodiversidade. O texto segue para promulgação.

Live da Semana - Presidente Jair Bolsonaro - 06/08/2020
Política

Pazuello diz que estados estão mais preparados para enfrentar pandemia

Ministro interino da Saúde participou de live ao lado do presidente. Mudança de protocolo do ministério foi um dos fatores que deixou estados mais preparados.

A cúpula  maior, voltada para cima, abriga o Plenário da Câmara dos Deputados.
Política

Senado aprova redução de prazos para revalidação de diplomas

O PL prevê a revalidação em prazo entre 30 e 60 dias no caso de instituições estrangeiras reconhecidas pelo Ministério da Educação e contam com um processo simplificado. 

Escola fechada por cinco dias após relatos de coronavírus.
Justiça

Justiça suspende retorno das aulas presenciais na rede privada do DF

A retomada foi autorizada na terça-feira pela primeira instância após outra decisão que a proibiu. Algumas escolas chegaram a retomar as atividades nesta quinta-feira.

Saúde

Ministério da Saúde monitora síndrome em crianças associada à covid-19

Síndrome inflamatória multissistêmica ocorre em crianças de 7 meses a 16 anos. Até agora, foram notificados 71 casos no Brasil e registradas três mortes.

Incêndio no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Divulgação/Parnaso)
Geral

Bombeiros combatem fogo na Serra dos Órgãos pelo terceiro dia seguido

Criado em 1939, o Parnaso é o terceiro parque mais antigo do país e costuma ser procurado para prática de esportes de montanha, como escalada, caminhada e rapel.